Fábio Assunção: artistas se revoltam com ‘brincadeira’ de Carnaval

Música e máscaras que zombam do problema do ator, que sofre com alcoolismo, foram lançadas para os dias de folia

Depois que máscaras de Fábio Assunção viraram a aposta para fantasias no Carnaval, as pessoas começaram a criticar a moda, já que o problema do ator é um assunto sério. Ele sofre com alcoolismo e vários artistas se mobilizaram com sua história de vida.

Personalidades como Marcelo Serrado, Mariana Rios, Paulo Vilhena, Klebber Toledo, Tata Werneck e Clarice Falcão recriminaram quem anda brincando com o assunto. “Chega de rirmos da dor alheia e de fazermos piadas disso“, escreveu Marcelo Serrado.

Paulo Vilhena pediu “mais humanidade aos seres humanos“, enquanto Klebber Toledo postou uma foto de Fábio. Na legenda, ele publicou: “Mundo sem sentindo, sem razão. Mundo sem educação, sem informação. Alguém sabe o que é compaixão? Mundo cão. Respeito?“.

Leia mais: Fábio Assunção se pronuncia pela 1ª vez sobre música que leva seu nome

Tata Werneck também se indignou com a situação e defendeu o ator global. “Dependência química é um problema sério. Usar máscara de alguém que está sofrendo e precisa de ajuda no carnaval é nojento”, escreveu. “Vamos ter empatia, respeito.” 

Os fãs também não ficaram de fora. Muitos deles pontuaram a crueldade do comportamento das pessoas que usam as máscaras.

Depois da repercussão, um texto supostamente escrito por Fábio começou a circular nas redes. O próprio ator, em seu Instagram, já afirmou que o texto é falso.

O conteúdo compartilhado continha um suposto desabafo do ator, que diria estar em um momento complicado. “Eu quero parar de beber, mas não consigo, estou lutando contra isso todos os dias, às vezes penso no pior, o que me deixa mais triste é (sic) as zombações que escuto todos os dias”, estava escrito na publicação falsa.

Leia mais: Por que máscara de Fábio Assunção é aposta dos fabricantes pro Carnaval

Veja mais: Após demissão, Fernando Rocha posta ‘indireta’ no Instagram

Siga CLAUDIA no Youtube