Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Morre o guitarrista Eddie Van Halen aos 65 anos

"Ele era o melhor pai que eu poderia ter pedido", escreveu Wolfgang Van Halen, filho do músico, nas redes sociais

Por Da Redação - Atualizado em 6 out 2020, 17h37 - Publicado em 6 out 2020, 17h11

Eddie Van Halen, guitarrista e fundador da banda Van Halen, morreu nesta terça-feira (6) em decorrência de um câncer na garganta. O músico, que tinha 65 anos, enfrentou um longo processo de tratamento, que não conteve a doença. Segundo o site TMZ, o câncer se espalhou para o cérebro do artista.

No Twitter, Wolfgang Van Halen publicou uma despedida emocionante ao pai. “Não acredito que tenho de escrever isso, mas meu pai, Edward Lodewijk Van Halen, perdeu sua longa e árdua batalha contra o câncer esta manhã. Ele era o melhor pai que eu poderia ter pedido”, desabafou.

A publicação ainda diz: “Cada momento que compartilhei com ele no palco e fora dele foi um presente. Meu coração está partido e eu não acho que jamais me recuperarei totalmente dessa perda. Eu te amo muito, pai”.

Em 1972, Eddie e seu irmão Alex fundaram a banda Van Halen, que só ganhou esse nome dois anos depois da criação. O primeiro disco foi lançado em 1978, quando o guitarrista já tinha seu nome consolidado no cenário música de Los Angeles.
Com a banda, Eddie foi indicado ao Grammy em 1984 e, 28 anos depois, tornou-se o melhor guitarrista de todos os tempos, segundo a revista Guitar World. O músico também colaborou em duos marcantes, como em Beat it, ao lado de Michael Jackson.
Continua após a publicidade
Publicidade