Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Deborah Secco foi confundida e apanhou em ensaio para “Bruna Surfistinha”

Caso aconteceu no meio da rua, em São Paulo

Por Da Redação - Atualizado em 17 fev 2020, 12h36 - Publicado em 17 out 2019, 14h15

Deborah Secco participou do programa Que história é essa, Porchat?, do GNT, na última terça-feira (15), e revelou momentos de sua carreira. Durante a atração, ela relembrou a época em que gravou o filme Bruna Surfistinha, lançado em 2011, e contou que se envolveu em uma grande confusão nas ruas enquanto fazia uma vivência da personagem.

A atriz relatou que um dia todo o elenco do filme vestiu os figurinos e agiu conforme os seus personagens nas ruas, sem câmeras, para sentir como era a vida de Raquel Pacheco – a Bruna. Durante um desses ensaios, Deborah encontrou Sergio Guizé, que interpretava seu irmão na trama, e o personagem fez um barraco ao descobrir que a irmã havia virado garota de programa. O problema é que ninguém na rua a reconheceu.

“Ele começou a correr atrás de mim. Não sei o que deu um mim na hora e comecei a chorar e corri perdidamente. Entrei num boteco chorando e a mulher do bar escondeu a gente atrás de uma parede falsa”, contou Deborah. O problema foi que, apesar de escondê-la, a mulher do estabelecimento ameaçou chamar a polícia e bateu na atriz. “Vocês são todas putas! Umas meninas tão bonitas…”, dizia a mulher, enquanto batia nela.

Deborah afirmou que foi difícil explicar para a comerciante que tudo não passava de uma gravação para o filme. Quando a atriz saiu do bar, Guizé, que ainda estava no papel, foi na direção dela. “Quando ele veio, uns trinta homens apareceram pra bater nele: ‘larga ela, larga ela’. E a gente falando que era um filme”, relembrou.

Continua após a publicidade

Assista ao relato de Deborah na íntegra:

Leia mais: Aos 88 anos, morre o diretor Maurício Sherman

+ Hacker invade conta de Cleo no Instagram e aplica golpe

PODCAST – Por que não sinto vontade de transar?

Publicidade