Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Deborah Secco diz ter levado prejuízo ao bancar filme de Bruna Surfistinha

Atriz declarou que investiu do próprio bolso no filme, sem ter retorno de bilheteria

Por Da Redação - Atualizado em 17 fev 2020, 16h00 - Publicado em 9 jul 2019, 15h08

Deborah Secco, 39 anos, contou que precisou bancar do próprio bolso parte do orçamento do filme “Bruna Surfistinha” (2011). A revelação foi feita pela atriz durante uma entrevista à repórter Andrea Corazza, no TV Fama. O programa será exibido nesta terça (9), às 21h30, na RedeTV!.

“Estávamos no meio das filmagens e eu queria mais uma semana de filmagens, só que não tinha dinheiro para filmar. Então eu falei: ‘Quanto é para mais essa semana?’ e banquei, virando sócia do filme”, declarou Deborah.

A atriz contou que, como o filme não deu lucro, ela acabou no prejuízo. “Foi um filme diferente do que todo mundo fala. Leio sempre na internet que falam: ‘Nossa, ela deve estar ganhando muito dinheiro’, mas, no final das contas, eu perdi dinheiro com o Bruna [Surfistinha]”, contou.

Entretanto, Deborah afirmou que toda a experiência valeu a pena. Segundo ela, o filme fez com que ela ganhasse em realização artística e crescimento de imagem. 

O longa de 2011 conta a história de Raquel Pacheco, também conhecida como Bruna Surfistinha, que fugiu de casa durante sua adolescência para se prostituir e usar drogas. O filme foi baseado no livro ‘O Doce Veneno Do Escorpião: o Diário de uma Garota de Programa’ e tem direção de Marcus Baldini. Além de Deborah Secco no papel principal, a produção conta ainda com Cássio Gabus Mendes e Cristina Lago. O orçamento do filme foi de R$ 4 milhões.

Continua após a publicidade

Leia também: Fátima Bernardes participa do “desafio da garrafa”

Rara aparição: o irmão de Débora Nascimento

Ouça o podcast de CLAUDIA:

Publicidade