Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Como fazer uma ceia de Natal deliciosa e econômica

Você não precisa do peru e de acompanhamentos extravagantes (e caros) para montar uma ceia que todos vão adorar

Por Raquel Drehmer Atualizado em 17 jan 2020, 11h19 - Publicado em 14 dez 2017, 20h54

Encher a mesa para a família ou os amigos se reunirem na noite de Natal é um prazer, mas pode ser uma fonte de preocupação também. Não só pelo medinho de algo não dar certo ou de não dar tempo de preparar tudo, mas pelo gasto que se tem ao fazer uma ceia de Natal tradicional, com peru, pernil, nozes lindas e sobremesas cheias de requintes natalinos.

Só que nada disso é exatamente necessário. Existem opções muito mais em conta e substituições espertas que você pode fazer para sua ceia de Natal ser maravilhosa e não pesar no bolso.

As chefs de cozinha Paula Weber, do Pitadas e Palpites, e Gabriela Pegurier, do Cozinha 123, dão dicas ótimas para você conseguir chegar lá.

Substitua o peru pelo frango

O frango assado substitui o peru na ceia de Natal com maestria evgenyb/ThinkStock

O quilo do frango inteiro custa aproximadamente um terço do preço do quilo do peru inteiro. Uma baita economia! E, se você quiser ou precisar economizar mais ainda, pode fazer peças de coxa e sobrecoxa no forno para servir como a carne principal da noite.

A dica de Paula é passar um caldo de curry ao redor do frango ou das peças, embalar a travessa com papel alumínio (com o lado brilhante virado para dentro) e levar ao forno por uma hora e meia. Depois desse período, tirar o papel e voltar a travessa ao forno, para dourar a carne por meia hora.

“As pessoas menosprezam o frango, mas se você der a ele um tratamento especial, ele fica lindo e delicioso”, diz a chef.

Peças de coxa e sobrecoxa de frango são uma alternativa ainda mais econômica de carne para a ceia de Natal Paula Weber/Divulgação

Se a ceia puder ser moderninha, coloque um salpicão no lugar do frango assado

Gabriela sugere o salpicão de frango defumado como receita de carne de uma noite de Natal mais moderna. “Até por conta do nosso clima, fazer pratos frios é uma ótima escolha. Sem contar que ele é preparado com antecedência e os anfitriões podem curtir a noite sem preocupações com a comida”, defende.

A maravilha desta ideia é que o frango defumado permite que você pule a parte de assar a carne, uma vez que ele já não é cru. Basta você aquecer um pouco, de acordo com as instruções da embalagem, e desfiar.

Em vez de pernil, opte pelo lagarto

O lagarto é um corte traseiro do boi, conhecido como a carne mais magra dele. Seu preço é intermediário entre as carnes de primeira e de segunda – e bem mais barato que o pernil, por isso a substituição natalina é recomendada por Paula.

Legumes servem como recheio ou acompanhamento para ele. Uma delícia!

Continua após a publicidade

>>> Confira aqui uma receita de lagarto na pressão com vinho ideal para o Natal

Encha a mesa de cor com uma salada de folhas

Um mix de alfaces verdes e roxas fica lindo na mesa, além de delicioso. Para dar um toque extra à salada, a ideia de Gabriela é acrescentar folhas inteiras de hortelã, manjericão, salsinha e coentro. Tomatinhos cereja cortados ao meio e rodelas de cebola crua também são bem-vindos. Para temperar, vinagre balsâmico e sal a gosto de cada convidado.

natalyaterr/ThinkStock

Você pode servir a salada em um grande bowl ou fazer porções individuais em pratinhos, dependendo do número de pessoas e da louça que tiver disponível.

Economize comprando nozes, amêndoas e castanhas quebradas

Nozes, amêndoas e castanhas são a cara do Natal, mas também são um pouco caras. Para servi-las com economia, compre suas versões quebradas, que são tão gostosas quanto as inteiras e custam entre 25% e 30% menos. Junte vários tipos em um mix e pode ter certeza de que ninguém irá sequer reparar.

Sirva cuscuz como acompanhamento

O cuscuz paulista é a dica das duas chefs como acompanhamento para as carnes e saladas de Natal. “À primeira vista ele pode parecer caro, porque tem muitos ingredientes, mas rende tanto que fica muito barato por porção”, garante Paula.

Fábio Castelo/MdeMulher

Gabriela concorda e complementa: “A sardinha de lata barateia bastante a receita. Mas se a pessoa quiser garantir a refeição de um convidado vegetariano, é legal fazer sem nenhum peixe também”.

Frutas e sorvete: sobremesa perfeita e econômica para o Natal

Não precisa fazer grandes sobremesas cheias de requintes e caldas quentes, não. Lembre-se: nosso Natal é no verão e quanto mais fresquinho o final da refeição, melhor.

Por isso, as chefs sugerem bandejas de frutas ou uma bela salada de frutas como a sobremesa ideal de Natal. Se jogue nas frutas da estação, que custam menos que as exóticas que só servem para enfeitar a mesa.

Purestock/ThinkStock

Para dar um docinho a mais, acrescente sorvete. Sirva-o individualmente na hora que será consumido, assim você não precisará exibir o pote plástico – que, vamos combinar, não é lá muito bonito.

Calcule a quantidade de comida para seu número de convidados

O cardápio sugerido aqui – um frango/peças de frango OU salpicão de frango + lagarto + salada de folhas + nozes, amêndoas e castanhas + cuscuz + salada de frutas e sorvete – serve 20 pessoas, com uma pequena folga.

Se você for receber menos pessoas, adapte as receitas ou corte pratos; se for receber mais, aumente proporcionalmente as quantidades de ingredientes. Quanto menos desperdício de comida, menos desperdício de dinheiro.

Continua após a publicidade
Publicidade