Clique e Assine CLAUDIA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Rodrigo Cintra

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Cabeleireiro há 27 anos, é um dos profissionais mais respeitados na área da beleza. Está há 15 anos na TV, sendo 11 deles como co-apresentador do programa Esquadrão da Moda (SBT). Também já comandou o reality Guerra das Tesouras. Foi eleito por diversas vezes como o melhor cabeleireiro do Brasil.
Continua após publicidade

O óleo mineral faz mal à saúde dos cabelos?

O hairstylist Rodrigo Cintra esclarece as principais dúvidas sobre o assunto e ainda traz alternativas para substituir o produto

Por Rodrigo Cintra
26 Maio 2023, 12h07

Os óleos capilares são essenciais para potencializar a rotina de cuidado com os cabelos, pois eles auxiliam na umectação, hidratação, redução de frizz e até na proteção térmica. No entanto, não são todas as fórmulas que são indicadas para essa finalidade, ou seja, dependendo do produto, ele pode causar um efeito rebote. Esse é o caso dos óleos minerais, que são compostos por derivados do petróleo, sendo muito utilizados na composição de cosméticos. 

Quais são os malefícios do uso do óleo mineral nos cabelos?

Pela sua composição, ele não é solúvel em água ou álcool, e por isso ele ocasiona o acúmulo de seus resíduos nos fios, criando uma uma camada sobre eles que não é removida durante as lavagens. Então, conforme você for usando esse produto, cada vez será mais difícil a penetração e a absorção dos tratamentos capilares. Dessa forma os fios vão enfraquecendo, ficando cada vez mais secos, sem vida, pesados e mais propensos à quebra. 

Como identificar um óleo mineral?

Sempre leia os rótulos. Geralmente, na parte da frente da embalagem é possível identificar se o óleo é mineral ou vegetal. Mesmo assim, vale procurar pelos seguintes ingredientes: petrolatum, petrolato, mineral oil, paraffinum liquidum, paraffin e vaselina.

Caso algum desses ingredientes estejam descritos na fórmula, é sinal de que o óleo é totalmente ou parcialmente mineral, então é melhor evitá-lo.

O que devo procurar em um óleo? 

Recomendo sempre os produtos à base de flores, plantas e outras matérias naturais e não sintéticas, como, por exemplo, o ômega 3,6 e 9; o argan, o ojon, a macadâmia, a mirra, o cálamo, a monoi e o buriti. Esses ativos são perfeitos para hidratar, nutrir, dar brilho e proteger a fibra capilar. 

Continua após a publicidade

Vale lembrar que o óleo vegetal é absorvido pelos cabelos, diferente do mineral que, mesmo usado em poucas quantidades, não seca e as madeixas ficam com aquele aspecto molhado até que o produto seja “removido”. 

Como usar o óleo capilar?

Umectação: aplique o óleo nos cabelos secos, evitando o couro cabeludo. Deixe o produto agir durante a noite e no dia seguinte faça a sua lavagem como de costume.

Pré-poo: para evitar o ressecamento do comprimento, aplique algumas gotas nos fios ainda secos, deixe agir por 15 minutos e, em seguida, lave-os normalmente . Vale lembrar que o pré-poo não deve ser feito em todas as lavagens, pois ele pode deixar os cabelos pesados. Então, o ideal nesse caso é alternar o seu uso entre as lavagens. 

Potencializador de hidratação: como os óleos vegetais possuem muitos ativos hidratantes, ele é uma ótima alternativa para dar um up na sua máscara capilar. Basta aplicar cerca de 3 gotas no produto, misturar bem e fazer o tratamento como de costume. 

Continua após a publicidade

Protetor térmico: basta aplicar algumas gotas nos fios antes de usar as ferramentas de calor. 

Finalizador: proporciona mais brilho e maciez para as suas madeixas. Basta espalhar algumas gotinhas nas mãos e em seguida aplicar no comprimento e pontas. 

Confira nesse vídeo o passo a passo de como utilizar o óleo vegetal para potencializar a sua hidratação: 

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de 14,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.