Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Conversa de Vó Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Natália Dornellas é jornalista, podcaster e ativista da longevidade. Procura por avós e avôs para prosear e histórias de #avosidade para contar. É criadora do podcast Conversa de Vó e cofundadora da plataforma 40+ AsPerennials
Continua após publicidade

A Inteligência Artificial e os velhos: caso de amor!

Projeto “A juventude é desperdiçada com os jovens” é música para os ouvidos

Por Natalia Dornellas
Atualizado em 10 Maio 2023, 13h49 - Publicado em 27 mar 2023, 14h38

Em tempos em que ainda se discute formas de mitigar o idadismo – quem não viu o caso das meninas de Bauru com uma colega de apenas 40 anos deve ler o artigo da querida Kika – o trabalho do fotógrafo e artista digital Jonas Peterson é música para nossos ouvidos.

Viralizou nas redes sociais o projeto “A juventude é desperdiçada com os jovens”, cujo objetivo, segundo Peterson, é justamente celebrar os velhos e combater o preconceito de idade.  “Uma homenagem tranquila e positiva para as pessoas que viveram mais do que nós, estiveram lá, fizeram isso e eu queria que sua confiança e orgulho fossem vistos”, disse.

projeto velhos em IA
“Uma homenagem tranquila e positiva para as pessoas que viveram mais do que nós”. (Jonas Peterson/Divulgação)

Para chegar ao resultado, ele usou a moda para os estilos de cada personagem, mas sempre lembrando que não se tratam de fotos e nem de pessoas reais. “Usei inteligência artificial para criar as cenas, as pessoas e o que elas estão vestindo”, reforçou em entrevista ao The New York Times.

Continua após a publicidade
projeto velhos em IA
Há beleza na velhice, só depende das lentes de cada um de nós. (Jonas Peterson/Divulgação)

Lembrando que Peterson não é o primeiro a escolher os mais vividos como tema para suas “campanhas fotográficas” feitas através de AI. Há pouco tempo, o nigeriado Malik Afegbua varreu o Instagram com suas imagens fortes. O cineasta usou o recurso para reinterpretar a vida de idosos africanos, exibindo fotos e vídeos quase reais deles numa passarela de desfiles e na praia. Malik disse que, como muitos idosos estão marginalizados na sociedade, principalmente no mundo da moda, ele começou a imaginar como ficariam se fossem top models. Como eu vivo dizendo aqui, há beleza na velhice, só depende das lentes de cada um de nós.

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

O mundo está mudando. O tempo todo.
Acompanhe por CLAUDIA e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.

Acompanhe por CLAUDIA.

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.