CLIQUE E RECEBA EM CASA A PARTIR DE R$ 14,90/MÊS

Mood tropical-chic inspira nova coleção de peças para mesa posta

A diretora criativa da marca Isolda traz seu estilo repleto de cores, figuras da natureza e memórias de infância para a nova collab do Westwing

Por Nádia Simonelli 9 dez 2021, 08h20
collab westwing e isolda
divulgação/CASA CLAUDIA

Lançada recentemente, a nova collab do Westwing em parceria com a marca Isolda traz uma seleção de peças para mesa posta inspirada no clima tropical brasileiro, ideal para compor a decoração das festas de fim de ano. “Cafés da manhã fartos com muita beleza, perfume e exuberância das frutas, tapioca, na varanda de casa com a brisa do mar que só a Bahia tem”.

Essas são algumas das memórias afetivas que habitam o imaginário da diretora criativa Juliana Affonso Ferreira, fundadora da Isolda, marca multicultural brasileira que vem de uma história familiar. Isso porque Juliana é bisneta de Alceu Amoroso Lima, crítico literário e membro da Academia Literária Brasileira que costumava chamar sua mulher Maria Teresa de Faria de ‘Isolda’, influenciado pela lenda celta e ópera de Wagner ‘Tristão e Isolda’.

collab westwing e isolda
divulgação/CASA CLAUDIA

Destaques na coleção, a seleção de louças inclui pratos, xícaras, travessas e bowls. Há também anéis de guardanapos e itens têxteis. Imagens como pássaros, micos, cobra-coral, caju e folhas ilustram e dão forma às peças, disponíveis em uma paleta de cores variada, que vai dos verdes e vermelhos aos terrosos e pastel.

“Escolhemos a estampa da Isolda que recebe o nome de Paisagem, pintada à mão a partir da inspiração do jardim tropical da casa da minha mãe, na Bahia. Os jardins são repletos de palmeiras de dendê, açaí, bromélias, cajueiro, goiabeira, pimentas, coqueiros, aves, micos, uma mini selva baiana”, conta Juliana, que nasceu em São Luís do Maranhão, mas cresceu em meio a esse clima em Salvador, na Bahia.

collab westwing e isolda
divulgação/CASA CLAUDIA
Continua após a publicidade

Uma parte das peças da coleção vem do artesanato e foi produzida em uma cadeia sustentável. Como uma joia para a mesa, o caju de quartzo rosa e base de mármore, por exemplo, foi feito por um escultor capixaba especializado em pedras naturais.

Já os jogos americanos foram criados a partir de refugos têxteis ressignificados pelo ateliê da Isolda e fibra natural de taboa de Teresina, no Piauí. “Poder trabalhar com sustentabilidade e colaborar para a transformação social gerando renda para as comunidades artesãs é algo que me move e me emociona e o que mais me atraiu a desenhar uma coleção com o Westwing”, explica a diretora criativa.

collab westwing e isolda
divulgação/CASA CLAUDIA

A parceria com marcas que compartilham dos mesmos valores da Isolda e prezam pela qualidade e habilidades manuais são pontos importantes para o sucesso de uma collab, segundo Juliana: “é uma combinação de dois DNAs diferentes numa única linha de produto. Havendo sentido na união, inicia-se a pesquisa, moodboard, definição de paleta de cor, estampas, modelagens, teste, execução, tentativa, erro, acerto até editar e lapidar para a coleção nascer.”

Sobre seu item preferido da coleção, ela revela: “eu quero ter dois jogos de pratos completos. Um para montar mesas bonitas e outro para pendurar na parede e ficar admirando! A coleção é digna de colecionar, sabe? A linha chega a tempo das festividades de fim de ano, de verão, época de reunir a família e os amigos em torno de uma mesa bem linda e alegre”.

Depois do término da campanha, os itens da collab em parceria com a Isolda estarão disponíveis no e-commerce da marca, o WestwingNow.

collab westwing e isolda

Continua após a publicidade

Publicidade