4 destinos incríveis pelo mundo para se aventurar em família em julho

Selecionamos alguns destinos que são destaques para você se inspirar

Uma comemoração histórica, a abertura de hotéis e restaurantes, prêmios internacionais. Esses são os motivos que transformam, ano a ano, alguns lugares em destaque sob os olhos curiosos de viajantes. Veja nossa seleção do que é imperdível em 2019:

Grand Canyon, Estados unidos

Patrimônio da humanidade segundo a Unesco e uma das paisagens mais impactantes da América do Norte, o Parque Nacional do Grand Canyon completa 100 anos e recheia a visita com eventos especiais, como apresentações de tribos nativas da região e palestras sobre cultura e ecologia em um anfiteatro a céu aberto.

Com suas curiosas formações rochosas avermelhadas, o parque tem quase 5 mil quilômetros quadrados de área. Pode ser explorado em trilhas bem demarcadas a pé ou de bicicleta.

Também há passeios de rafting pelas águas do Rio Colorado. A visita clássica se faz pelo acesso sul, chamado de South Rim, a 450 quilômetros de Las Vegas e 135 de Flagstaff, no estado do Arizona.

Onde ficar

O ideal é permanecer por lá cerca de três dias. Há, dentro do terreno, hospedagens limitadas. O Grand Canyon Village é um complexo com opções que vão do sofisticado El Tovar ao simples Bright Angel Lodge.

Seus quartos são tão concorridos que o indicado é reservar com, no mínimo, seis meses de antecedência. Para quem não conseguir, Tusayan, a 10 quilômetros do parque, conta com hotéis básicos de rede.

Com as crianças

A estrutura do centro de visitantes oferece banheiros, café, museu e um cinema Imax – vale começar a visita assistindo ao premiado filme sobre o Grand Canyon exibido na tela gigante. Há muitos mirantes e trilhas fáceis, a exemplo da Bright Angel Trail.

Sul da Bahia, Brasil

Getty Images

 (Getty Images/Divulgação)

Esse pedacinho de litoral da chamada Costa do Descobrimento, acessado pelo aeroporto de Porto Seguro, exibe manguezais, falésias, coqueirais e praias de mar azul-claro, como a do Outeiro.

Trancoso segue encantando com seu estilo rústico-chique – aproveite pousadas de frente para trechos vazios de praia, como a Tutabel, e recentes adições gastronômicas ao badalado Quadrado, entre elas o Favoritto, que acrescenta toques baianos ao menu mediterrâneo.

VEJA os assuntos  que mais estão bombando nas redes sociais

Em uma península entre o rio e o mar, Caraíva tem sido a queridinha dos últimos verões e, apesar do desenvolvimento, conserva a simplicidade em suas casinhas e ruas de areia – não perca os passeios à próxima Ponta do Corumbau, dona de uma das praias mais bonitas do país.

Para mais natureza, vá ao recente Parque Nacional do Pau Brasil, que protege 190 quilômetros quadrados de Mata Atlântica.

Onde ficar

A região coleciona casas de temporada lindíssimas para alugar em sites como Airbnb e Alugue Temporada, muitas delas com estrutura perfeita para quem viaja com crianças.

Peru

Michelle Sinclair

 (Michelle Sinclair/Divulgação)

Nosso vizinho segue como uma das estrelas do turismo mundial. A começar pela capital, Lima, que arremata o prêmio de melhor destino gastronômico do mundo da World Travel Awards há sete anos consecutivos – confira o restaurante Kjolle do célebre casal de chefs Pía León e Virgilio Martínez, que usa ingredientes 100% peruanos.

De lá, há múltiplos jeitos de explorar o resto do país – entre Puno, cidadezinha à beira do imenso Lago Titicaca, e Cusco, porta de entrada para Machu Picchu e o Vale Sagrado, o recente trem Belmond Andean Explorer leva por uma jornada única pelas paisagens da região.

Para sair do basicão, pense em incluir o norte do país no roteiro: Huaraz é base para admirar as montanhas nevadas e lagoas azuladas da Cordillera Blanca, enquanto Kuélap conta com um novo sistema de teleféricos que levam até um sítio arqueológico com ruínas pré-incaicas.

Com as crianças

Pela altitude, o clima e as caminhadas necessárias, é mais indicado para quem tem filhos maiores de 6 anos. Intercale os passeios com períodos de descanso em alguns dos ótimos hotéis do país.

Puglia e Basilicata, Itália

Getty Images

 (Getty Images/Divulgação)

No salto da bota que é o mapa do país, essas duas regiões congregam vilarejos fofíssimos, praias de sonho, campos de oliveiras e vinhedos. É uma viagem para fazer devagarzinho, curtindo o estilo de vida simples, a comida divina e os italianos mais relaxados do que nos destinos do norte.

O ponto de partida pode ser a espetacular Matera, eleita capital da cultura europeia em 2019, uma cidade única com construções esculpidas em rocha – a nova exposição Il Paradosso dell’Antropocene (o paradoxo do antropoceno, em tradução livre) conta um pouco da história do local.

De lá, conheça Alberobello, com suas singulares casinhas brancas com telhados cônicos; Lecce, que tem impressionante centro histórico barroco; e Otranto, encantadora cidade amuralhada à beira do Mar Adriático.

Onde ficar

Dá um charme a mais à experiência se hospedar em antigas fazendas transformadas em hotéis, como a Masseria Spetterrata e a Rocco Forte’s Masseria Torre Maizza.

Leia mais: A viagem de Huck e Angélica depois de acidente

+ Dicas pra fazer da sua viagem uma experiência sexual

Relacionamento abusivo: saiba se você está em um no podcast Senta Lá, CLAUDIA