Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Contando histórias com maquiagem de plumas, brilhos e cores

No mês de março, o editor de moda de CLAUDIA, Fabio Ishimoto, destaca semanalmente mulheres que se destacam no mundo da moda

Por Ana Claudia Paixão - 7 mar 2020, 16h00

Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher (8), convidamos o editor de moda de CLAUDIA, Fabio Ishimoto, para destacar semanalmente 5 mulheres marcantes no universo fashion. A primeira é ninguém menos que Pat McGrath, uma das maquiadoras mais influentes da atualidade.

Nick Harvey/WireImage/Getty Images

 

 

Pat McGrath é uma lenda no mundo da moda”, diz Ishimoto.Seu trabalho pode ser visto em inúmeras capas de revistas, campanhas de moda e desfiles de marcas como Prada, Louis Vuitton, Valentino e Gucci, entre muitas outras”, ele comenta. Entre suas marcas registradas, estão a pele extremamente luminosa (muito antes de falarmos na tendência do “glow”) e a ousadia (em cores, acabamentos, texturas) que não deixa de embelezar nem esconde a mulher. 

View this post on Instagram

THE LEGEND OF LYKKI LI ⚡⚡⚡ J’ADORE this MESMERISING @metgala2019 MOMENT starring the LOVELY @lykkeli in makeup by #patmcgrathlabs ⚡⚡⚡ Shop #PMGRedCarpetRealness NOW at PATMcGRATH.COM. #PMGHowTo EYES – Tightline the upper & lower waterline with PermaGel Ultra Glide Eye Pencil in ‘XTREME BLACK’ – Define the upper & lower lash line with PermaGel Ultra Glide Eye Pencil in ‘XTREME BLACK’ & use a small detail brush to smudge the pencil – Curl the lashes & apply heavy coats of FetishEYES Mascara to the top & bottom lashes – Use eyelash adhesive to attach feathers along the upper & lower lash line LIPS – Apply Lip Fetish Lip Balm in ‘CLEAR’ to the lips FACE – Highlight the high points of the face with Skin Fetish Highlighter + Balm Duo in ‘NUDE’ using fingertips

A post shared by Pat McGrath (@patmcgrathreal) on

Continua após a publicidade

McCgrath, uma inglesa nascida em  1970, filha de imigrantes jamaicanos, credita seu sucesso e criatividade à sua Jean McCgrath , que era uma fã de moda aficcionada. Jean fazia pequenos testes com a filha para que ela percebesse as diferentes texturas de tecidos, cores e maquiagem.  “Ela me treinou, ela sempre misturava as cores porque não havia opções para peles negras”, ela contou à Time em 2003. Além do tom, Jean ensinou que a maquiagem poderia ser muito mais do que um detalhe. “Sua mãe a ensinou como misturar pigmentos para chegar ao tom de sua pele negra e que a maquiagem deve contar uma história. A partir de então, Pat desenvolveu técnicas inovadoras de maquiagem, incluindo o uso de materiais inusitados no processo, como folhas e penas”, explica Ishimoto.

Adolescente, ela curtia artistas como Boy George, Marilyn Spandau Ballet, todos conhecidos pelo uso carregado e ousado na maquiagem.  O sucesso da maquiadora começou nos anos 1990, com a modelo e atriz Amber Valleta que ficou fã e amiga de McCGrath e a apresentou ao fotógrafo Steven Meisel. As várias capas que fizeram juntos para a Vogue italiana naquele período ficaram lendárias.

O sucesso de Pat se estende, ainda, à linha de cosméticos que leva o seu nome, lançada em 2017. Não raro, os lançamentos esgotam em poucas horas. A cartela de opções conta com sombras ultrapigmentadas, bases, corretivos, batons, paletas e mais.

 

Aproveite a própria companhia e saia mais sozinha:

Continua após a publicidade
Publicidade