Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Superfungo que é ameaça à saúde pública é identificado no Brasil

Caso confirmado na Bahia acendeu o alerta para o fungo que é muito resistente a medicamentos e de fácil transmissão

Por Da Redação Atualizado em 21 dez 2020, 12h31 - Publicado em 9 dez 2020, 12h04

Nesta segunda-feira, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária emitiu um alerta sobre a chegada de um superfungo ao Brasil, o Candida auris. Com infecções registradas em mais de 30 países, o fungo é fatal em 39% dos casos porque é muito resistente a medicamentos.

Há a suspeita de que um homem tenho sido infectado em um hospital na Bahia. Outra característica que torna o fungo preocupante é o fácil contágio. A transmissão se dá por materiais hospitalares dos mais comuns e diversos como estetoscópio, medidor de pressão, macas e termômetros.

O caso que está sendo investigado é possivelmente de infecção em um homem que estava internado por conta de Covid-19, amostra do superfungo foi identificada na ponta de um cateter dia 4 de dezembro. Se confirmado, será o primeiro caso de adoecimento no Brasil por Candida auris. No comunicado, a Anvisa alerta sobre um “fungo emergente que representa uma séria ameaça à saúde pública”.

Será feita uma investigação epidemiológica, conduzida pelo estado e município de Salvador, para verificar se existe a contaminação de outras pessoas do serviço de saúde. Confira o comunicado completo aqui.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade