Princesa Kate: “Nada pode realmente te preparar para ser mãe”

Para a Duquesa de Cambridge, Kate, as mulheres não devem enxergar pedidos de ajuda para criação dos filhos como sinal de fraqueza.

Os dilemas e dificuldades em relação à maternidade nem sempre são bem encarados pelas mães. E para deixar as mulheres tranquilas sobre o assunto, Kate Middleton deu um importante recado sobre tema durante sua visita a um evento de saúde mental maternal, em Londres, na última quinta-feira (23).

“É correto falar em maternidade como algo maravilhoso, mas é necessário falar sobre seu lado estressante e desgastante”, disse a Duquesa de Cambridge em seu discurso.

Leia mais: “Achei que estava com gravidez psicológica”, diz Camila Pitanga

Kate ainda lembrou que não é errado mães pedirem ajuda na criação dos filhos e que não fazer isso pode levar muitas mulheres a se desgastar emocionalmente.

“Duas em cada dez mulheres sofrem de problemas mentais que podem acontecer durante a gravidez ou em até um ano após o nascimento do bebê (…) Muitas dessas mulheres sofrem em silêncio, sobrecarregam seus sentimentos negativos e sentem medo de admitir seus problemas por vergonha de serem julgadas pelos outros(…) É OK não achar [a maternidade] fácil. Pedir ajuda não deveria ser visto como um sinal de fraqueza.”

Leia mais: Depoimento: “Depressão pós-parto é uma dor que ninguém entende”

Mãe de dois filhos, George, 3 anos, e Charlotte, 1 ano, a duquesa de 35 anos relatou sua própria experiência aos ouvintes presentes sobre as tentativas de acertos e erros na maternidade.

“Ter me tornado mãe foi uma experiência maravilhosa para mim (…) Nada consegue lhe preparar para a experiência de ser mãe (…) Não existe um livro com as regras sobre o que é certo ou errado. Você só deve fazer o melhor que você pode para cuidar de sua família.”