Quem é a atiradora do Youtube

Ela tinha um canal no YouTube que tratava sobre os direitos dos animais

A sede do YouTube em San Bruno, Califórnia, foi invadida nesta terça-feira (3) por uma atiradora, identificada pela polícia local, como Nasim Najafi Aghdam, 39 anos. 

A mulher entrou no local e deixou quatro pessoas feridas. Entre elas, encontra-se um homem de 36 anos, em estado crítico, uma mulher de 32 anos e uma de 27 anos, conforme divulgado pelo Hospital Geral de São Francisco. A quarta vítima machucou o seu tornozelo enquanto fugia do tiroteio.

Leia também: Estou aliviado, mas não feliz, diz cunhado de Hickmann sobre absolvição

A atiradora Nasim Najafi se matou dentro do prédio antes de ser pega pelas autoridades. Ela tinha um canal no YouTube que tratava sobre os direitos dos animais e discursava em seus vídeos a respeito da crueldade contra eles.

De acordo com o UOL, o pai da atiradora acredita que o ataque da filha se deu porque seus videos no canal pararam de ser monetizados pelo YouTube. Revoltada com a medida da empresa, Nasim teria ficado brava e chegou a declarar que o veículo filtrava algumas de suas publicações. “O YouTube filtrou meus canais para impedir que obtivessem visualizações.”

Por meio das redes sociais, alguns funcionários da empresa relataram o momento. “Ouvi tiros e vi pessoas correndo quando estava na minha mesa. Agora, atrás de uma barricada com colegas”, escreveu Vadim Lavrusik. Pouco depois, veio o alívio. “A salvo, evacuados. Estamos do lado de fora.”

Veja também: Fat Family faz desabafo após polêmica com Talita no The Voice Kids