Mulher com dois úteros tem gêmeos um mês após ter bebê

A jovem só descobriu que continuava grávida no momento do parto

Uma moradora da zona rural de Bangladesh, na Ásia, vivenciou uma situação para lá de inusitada. Após 26 dias que havia dado à luz a um bebê no final de fevereiro, Arifa Sultana, 20 anos, descobriu que continuava grávida, desta vez de gêmeos.

A descoberta veio quando a jovem começou a sentir dores abdominais e foi levada ao hospital. Lá, um exame de ultrassom revelou o inesperado: Sultana possui dois úteros.

“Quando a paciente chegou, fizemos uma ultrassonografia e descobrimos os gêmeos. Ficamos chocados e surpresos. Nunca vimos nada parecido”, contou à BBC a médica Sheila Poddar, responsável pela cesária a que Sultana foi submetida. Ela explicou que, por causa da pequena renda familiar, a jovem nunca havia feito o exame antes, nem mesmo durante o pré-natal da primeira gestação.

Consultado pela BBC, o ginecologista Christopher Ng afirma que o fenômeno não é tão raro assim e que, na verdade, trata-se de uma malformação uterina denominada útero didelfo, facilmente detectável por um exame pélvico.

Segundo ele, é provável que, durante o período fértil de Arifa, três óvulos foram fecundados ao mesmo tempo. Disso resultaram os três embriões que se dividiram nos dois úteros.

Os gêmeos – uma menina e um menino – nasceram saudáveis, assim como o primeiro bebê. Mas, apesar da felicidade causada pela chegada das crianças, Sultana está preocupada com o sustento da família.

Com uma renda equivalente a menos de 380 reais mensais, seu marido garantiu que fará o melhor para criar os filhos. “Foi um milagre. Todas as crianças estão saudáveis. Vou fazer de tudo para deixá-los felizes.”

Leia também: Nove enfermeiras de um hospital engravidam ao mesmo tempo

+ Bebês de mulheres presas ganham ensaio fotográfico ‘new born’

Siga CLAUDIA no Youtube