MP recomenda reiniciar roteadores de internet para combater vírus

Malware está roubando dados e facilitando fraudes

Após uma investigação de oito meses feita pelo Ministério Público do Distrito Federal (MPDFT) junto à Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF), a Comissão de Proteção dos Dados Pessoais do MPDFT alerta que roteadores domésticos e de home office estão sob risco de infecção de um malware chamado VPNFilter.

A comissão pede contribuição dos brasileiros para combater o vírus reiniciando os roteadores de internet para interromper temporariamente o malware e ajudar na identificação de possíveis aparelhos infectados. Além disso, seria ideal usar senhas fortes para barrar o vírus e desativar configurações de gerenciamento remoto.

Segundo nota publicada no site oficial do MPDFT, os aparelhos infectados podem coletar dados pessoais, bloquear o tráfego de internet e direcionar os usuários para sites falsos de instituições bancárias e de e-commerce com o objetivo de cometer fraudes.

Há duas semanas, o FBI emitiu um alerta público sobre a infecção de roteadores pelo malware VPNFilter. Já o MPDFT e a PCDF estão trabalhando juntos para investigar fraudes bancárias, como estelionatos e furtos, cometidos por meio de roteadores infectados. A investigação é sigilosa.