A nova versão sobre o afastamento de Mauro Naves da Globo

De acordo com o site Notícias da TV, a emissora não expôs o real motivo da suspensão do repórter

De acordo com o jornalista Daniel Castro, do Notícias da TV, o afastamento de Mauro Naves de suas funções na Globo não foi totalmente exposta na nota lida ao vivo por Bonner no JN. Naves, segundo fontes, teria sido o intermediador de uma tentativa de acordo entre Neymar Jr. e o advogado de Najila Trindade. Ao contrário do que foi informado, ele não pretendia dar um furo de reportagem, mas sim abafar o escândalo.

Na noite da última quarta (5), o comunicado da emissora deu conta de que o jornalista esportivo forneceu o contato telefônico do pai de Neymar ao advogado José Edgard Bueno visando uma reportagem exclusiva sobre o assunto. Bueno era então o representante legal da mulher que acusa o jogador.

A nota lida por Bonner dizia que havia “evidências de que suas atitudes [as de Naves] neste caso contrariaram a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas”. A notícia foi recebida com espanto e causou desconforto entre os profissionais da casa, já que fornecer algo a uma fonte em troca de exclusividade é prática comum entre jornalistas. 

+ Novo trecho de conversa entre Neymar e Najila é divulgado

Naves seria amigo do advogado e teria ligado para o pai de Neymar para fazer uma ponte entre os dois. A fúria da cúpula da Globo seria porque Naves não teria informado nada sobre o assunto aos seus superiores. Só o fez quando o pai de Neymar o denunciou.

Ainda segundo o Notícias da TV, Naves foi punido porque sabia antes de todo mundo da notícia, mas a ocultou. A Globo teria optado em não revelar os detalhes em respeito à longa trajetória de 31 anos do repórter na casa.