Clique e assine com até 75% de desconto

Humorista Evandro Santo pede indenização por agressão

O caso ocorreu em outubro, após um show em Marília (SP)

Por Da Redação Atualizado em 17 fev 2020, 11h20 - Publicado em 27 nov 2019, 17h26

O humorista Evandro Santo entrou com um pedido de indenização por danos morais no valor de R$ 60 mil pela agressão que sofreu em outubro depois de uma apresentação que fez em Marília (SP). O suspeito teria dado um soco no rosto do comediante e seu pai teria incentivado a agressão. Cada um deles deve pagar metade do valor da indenização.

Em outubro, Evandro publicou em suas redes sociais uma foto com o rosto inchado e os olhos roxos, alegando que havia sido vítima de homofobia. “Esta não é uma foto bonita e nem legal. Esta foto mostra o quanto devemos ter cuidado com pessoas com aparência “normal”, porque o ódio e a homofobia não tem cara”, disse ele.

O agressor estava assistindo ao show do humorista quando foi convidado ao palco para participar de um dos quadros da apresentação e ganhou um selinho de Evandro. “Ele super aceitou bem, fez o Tinder, ganhou um selinho meu, deu risada assim como a moça ganhou um meu e deu risada. Saiu do palco de boa”, escreveu o ator na época. Porém, depois do fim do show, o ator conta que levou um soco do homem quando estava saindo do banheiro. Além disso, foi chamado de “viado”.

Facebook/Reprodução

Como tinha um compromisso em São Paulo, Evandro fez o B.O contra o agressor e o pai na capital. O boletim de ocorrência está registrado na Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância), ligada ao Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) e relata os crimes de lesão corporal e homofobia, situação que passou a ser criminalizada com base na lei de racismo por decisão do Supremo Tribunal Federal (STF).

Leia mais: Homem com doença terminal se despede de filhos e emociona o mundo

+ Camila Cabello confessa roubo em Palácio de William e Kate

PODCAST – Por que não sinto vontade de transar?

Continua após a publicidade
Publicidade