Homem abusa sexualmente por quatro horas de jovem de 13 anos

Criminoso que atacou garota no litoral de São Paulo chama a atenção por sua frieza.

Um homem obrigou uma garota de 13 anos a manter relações sexuais com ele por quase quatro horas em Iguape, cidade localizada no litoral de São Paulo.

O crime aconteceu na última terça-feira (7) e o agressor, Lucas Ferreira, 22 anos, foi preso em flagrante e encaminhado para a Cadeia Pública de Jacupiranga, no interior do estado.

Leia mais: Brasil selvagem: 30 milhões de mulheres sofreram violência sexual

A jovem sofreu ferimentos e precisou ser encaminhada para o Hospital Regional de Pariquera-Açu para tomar medicamentos que evitem doenças sexualmente transmissíveis.

Ela também está sendo acompanhada pelo Conselho Tutelar e deve realizar nesta quarta-feira (8) perícia no Instituto Médico Legal (IML) para comprovar as agressões sofridas.

Leia mais: Caso Valentina: como falar sobre assédio sexual com as crianças?

O caso

Tudo começou quando Lucas abordou a garota em uma passarela, bateu sua cabeça no guidão da bicicleta que conduzia e a arrastou pelos cabelos até um barraco localizado na cidade do Vale do Ribeira onde abusou psicologicamente – com ameaças de morte – e fisicamente da menina.

A tortura da adolescente só acabou quando a jovem conseguiu escapar do local graças a uma distração de Lucas. A vítima, então, fugiu da casa e foi socorrida por um senhor de idade que passava pelo local.

Leia mais: “Abuso sexual é crime. Se você vê e não denúncia, é cúmplice”

Em seguida, os policiais locais foram notificados e começaram a fazer uma varredura na área e encontraram Lucas na casa do padrasto. “Ele estava dentro de um cômodo da casa, escondido, e acabou sendo preso em flagrante. Além do estupro, ele também roubou o dinheiro que a vítima guardava em um dos bolsos”, contou o delegado Carlos Ceroni ao G1.

Com passagem pela polícia por tráfico de drogas, Lucas impressionou os agentes locais por demonstrar frieza diante da situação. “Quando foi reconhecido pela vítima, ele preferiu ficar em silêncio. O criminoso é uma pessoa extremamente fria. A menina está totalmente transtornada. Imagine o que ela passou. Foram mais de três horas sendo dominada por um maníaco e, o tempo inteiro, sendo ameaçada de morte”, disse Ceroni.

Leia mais: Jane Fonda revela abuso sexual sofrido na infância

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s