Filho ilegítimo de Família Real ganha direito ao título

Hugo Klynstra terá o poder de ser nomeado príncipe

O Conselho de Estado da Holanda concedeu ao filho ilegítimo do príncipe Carlos Bourbon – Parma o direito de usar o sobrenome do pai e o título de príncipe.

A decisão foi tomada por Bart Jan van Ettekoven, presidente do departamento de justiça do Conselho de Estado holandês, nesta última quarta-feira (28).

O jovem Hugo Klynstra, 21 anos, poderá ser reconhecido como “alteza real” e usar o sobrenome Bourbon-Parma em sua certidão.

Leia sobre: Casamento de Harry e Meghan Markle terá presença do público

Fruto de um relacionamento fora do matrimônio de seu pai, que era filho da princesa Irene e do seu ex-marido, Hugo nunca fez parte da família real.

A decisão final do tribunal holandês reforça que a ação não fará com que o jovem seja um membro, automaticamente, da Casa Bourbon – Parma e afirma que “essa é uma decisão privada para a própria casa”.

Leia também: Paolla Oliveira tem fotos íntimas vazadas