CLIQUE E ASSINE A PARTIR R$ 6,90/MÊS

Em quais meses do ano mais nascem bebês no Brasil

Os dados foram obtidos através de uma pesquisa realizada pela BBC News Brasil

Por Da Redação Atualizado em 18 fev 2020, 11h11 - Publicado em 18 fev 2019, 14h42

Através das estatísticas de nascimento no Brasil, constatou-se que os brasileiros nascem mais entre março e maio, nove meses após o inverno. Isso vai em contradição à ideia de que nasçam mais crianças em novembro e dezembro, filhos dos meses de Carnaval.

Entre 1997 a 2017, houve 17% mais nascimentos em março do que em dezembro. Ao colocar essa estatística em números absolutos, são 840 mil brasileiros a mais. Os dados foram obtidos através de uma pesquisa realizada pela BBC News Brasil com base no Sistema de Informações sobre Nascidos Vivos, do Ministério da Saúde.

Micaela Elvira Martinez, professora da Escola de Saúde Pública da Universidade de Columbia, afirmou à publicação que a sazonalidade dos brasileiros é muito forte. Esse fenômeno, segundo ela, se refere ao comportamento “sazonal” dos nascimentos por apresentarem meses de pico e de baixa que se repetem ano após ano.

“Se não houvesse sazonalidade, todo mês nasceria uma quantidade equivalente de pessoas”, afirma Morvan de Mello Moreira, da Fundação Joaquim Nabuco, pesquisador brasileiro que se dedica ao estudo do tema. O fenômeno é observado no mundo todo, porém a particularidade do Brasil é o fato de ser o país onde há a maior sazonalidade de nascimentos.

De acordo com a professora Micaela, nos estados americanos, há uma diferença de 6% a 8% entre o mês de pico (com maior números de nascimentos) e o mês de vale (menos número), comparado com os cerca de 20% do Brasil.

Continua após a publicidade

A ciência ainda não conseguiu afirmar porque isso ocorre. Há uma hipótese de que o ciclo de nascimentos é provocado por mudanças no comportamento sexual ao longo do ano. É possível que tenha ocorrido um aumento na frequência de relações sexuais no inverno ou uma abstinência por motivos religiosos no período da quaresma.

A única região do Brasil que não apresenta esse fenômeno é a Norte. Nos Estados da Amazônia, os nascimentos são distribuídos ao longo do ano e têm dois picos pouco acentuados, em setembro e março. Já o Nordeste e Sudeste são as regiões com maiores sazonalidades do país.

Leia também: Pai é preso por dar cachaça a bebê, que está em coma alcoólico

Mãe do piloto do helicóptero de Boechat morre três dias depois do acidente

Siga CLAUDIA no Instagram

Continua após a publicidade

Publicidade