Danilo Gentili é condenado a seis meses de prisão em caso Maria do Rosário

Apresentador poderá recorrer da sentença em liberdade

Danilo Gentili foi condenado pela 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo a seis meses e 28 dias de prisão em regime semiaberto por injúria à deputada federal Maria do Rosário (PT-RS). Ele poderá recorrer da sentença em liberdade.

Em 2016, o humorista e apresentador do SBT publicou uma série de tuítes chamando a deputada de “falsa”, “cínica” e “nojenta”. Ao receber uma notificação extrajudicial pedindo que ele apagasse as mensagens, o humorista gravou vídeo rasgando o documento e colocando-o dentro das calças.

No Twitter, Danilo ironizou a decisão, perguntando “Quem vai me levar cigarro?” ao compartilhar a notícia:

Leia mais: Jornalista mostra destruição na porta da Globo: ‘Nunca vi esse cenário’
Ginasta quebra as duas pernas durante acrobacia