Adolescente ferido por linha de pipa terá que amputar a perna

O garoto foi atingido na região do joelho por linha chilena, que tem poder cortante quatro vezes maior que o cerol

Gabriel Lucas Alves, de 15 anos, foi ferido gravemente por uma linha chilena enquanto andava na rua em Betim, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, no sábado (20). Mesmo após ter passado por cirurgias, ele terá que amputar a perna.

O adolescente, cujo apelido é Feijão, entrou no bloco cirúrgico na manhã desta quarta-feira (24), no Hospital Regional de Betim. Gabriel se feriu enquanto andava na calçada perto de sua casa.

A linha chilena é usada para empinar pipa e tem poder cortante quatro vezes maior que o cerol. O produto estava preso a um caminhão que passava pela rua e o menino foi atingido na altura dos joelhos.

Até esta quarta, o garoto já tinha sido submetido a duas outras cirurgias. O ferimento foi profundo, atingindo nervos, artérias e veias. A mãe do adolescente, Regina Alvez, contou que o filho estava muito ansioso porque não conseguia sentir a perna.

VEJA os assuntos que mais estão bombando nas redes sociais

A população de Betim se mobilizou para doar sangue para Gabriel. De acordo com o MG1, o Hemominas há muito tempo não via tantos doadores em um único dia. Quem não pode doar, utiliza as redes sociais para estimular novos doadores.

Gabriel é jogador de futebol e já atuou em alguns times da região. O sonho dele é ser jogador profissional.

Leia também: Brasileira é agredida dentro de ônibus no Canadá por falar português

+ Síndrome rara mata jovem após o parto e família pede ajuda para bebê

Relacionamento abusivo: saiba se você está em um no podcast Senta Lá, CLAUDIA