Por que azul é a cor favorita da realeza?

No mês de abril, o editor de moda de CLAUDIA, Fabio Ishimoto, destaca semanalmente looks azuis das mulheres da Família Real

Quem é um pouco mais observador, com certeza já percebeu que existe uma cor que se destaca nos looks e redes sociais da Família Real. O azul, conhecido também royal blue (ou azul royal), é um tom historicamente ligado à realeza e continua sendo a cor mais usada pela Rainha Elizabeth II. Segundo uma pesquisa da Vogue UK, 30% das roupas escolhidas pela monarca são azuis e ela usa o tom três vezes mais do que qualquer outro. Mas, por que essa preferência da família pelo azul? Não se sabe ao certo, mas existem algumas teorias.

A primeira delas surgiu aproximadamente em 1810, com a Rainha Charlotte. Conta-se que foi feita uma competição para fazer um vestido à monarca, que usaria a peça em uma ocasião especial. O vestido escolhido era azul, em um tom médio e vibrante. Desde então, o tom é conhecido como royal blue e é ligado à realeza. Outros dizem que a importância da cor se deve à dificuldade de conseguir o pigmento azul antigamente. Era o tom mais difícil de se conseguir para tingir roupas e por isso tornou-se “precioso”, ligado também à safira, uma das pedras mais raras nos tempos antigos.

Além disso, o azul vivo, como é o azul royal, é ligado a paz e a confiabilidade. Alguns historiadores acreditam que também há ligacão com a expressão “sangue azul”, que se refere ao sangue da nobreza. Independentemente do motivo, o fato é que a cor é a favorita da Rainha e de muitos membros da Família. Os homens sempre preferem ternos em tons de azul escuro e as mulheres muitas vezes também escolhem vestidos do cor em compromissos oficiais. No Royal Ascot de 2019, uma famosa corrida de cavalos, todas as mulheres da família vestiram tons de azul, incluindo a monarca. Isso chamou muita atenção porque, geralmente, as mulheres evitam usar as mesmas cores e a Rainha sempre tende a usar tons mais chamativos que as outras, para se destacar na multidão. Acredita-se que o combinado entre a realeza foi uma homenagem à Elizabeth.

Neste mês, convidamos o editor de moda de CLAUDIAFabio Ishimoto, para destacar semanalmente 5 looks azuis marcantes das mulheres da Família Real. A escolhida de hoje é Kate Middleton, que se tornou uma das maiores referências da moda atual com seu estilo impecável. Ela preza sempre por peças mais clássicas, com bons cortes e caimentos. Assim como boa parte da família, a Duquesa adora azul e escolhe looks dessa cor para várias aparições públicas, gerando reconhecimento do público sobre sua preferência e personalidade.

O primeiro escolhido de Fábio, um vestido clássico azul claro da grife inglesa Mulberry, foi usado pela Duquesa em uma visita à Irlanda do Norte, no início de 2019. “A capa sobre os ombros traz um ar moderno à duquesa. O cinto que arremata o look deixa a silhueta mais justa do corpo, como é da preferência de Kate, assim como o uso de scarpins e da clutch, itens clássicos do seu guarda-roupa“, diz o editor.

 

O vestido de renda da Temperley London foi o escolhido para um evento de caridade no Palácio de Buckingham. O diferencial fica por conta dos detalhes pretos da pa, que garantem contraste. O vestido mídi de renda foi usado com sapatos e clutch preta, na mesma cor dos detalhes contrastantes do vestido. A combinação dos tons das jóias com os looks também é um recurso bastante utilizado por Kate, diz o editor.

 

Apesar de ser da realeza, Kate já provou que não tem problema nenhum em repetir seus looks. O vestido em um tom de azul mais escuro e vibrante é de Jenny Packham, uma de suas estilistas favoritas, e foi usado pela primeira vez pela Duquesa em uma viagem à Índia com o príncipe William, em 2016. Dessa vez, foi o escolhido para uma recepção no Palácio de Buckingham no começo deste ano. Fabio chama a atenção para a bolsa e sapatos, da grife Jimmy Choo, que, assim como o vestido, são cobertos em bordados. Na primeira vez que usou a peça, Kate também investiu em um xale com pedrarias.

 

A quarta escolha de Fabio se tornou um dos looks mais populares de Kate. O vestido Elie Saab foi usado no Royal Ascot, um evento durante o dia, por isso tem um ar mais romântico com uma leve transparência, o que não o torna menos elegante. O laço na gola da peça ajuda a deixar a roupa ainda mais chique. Para os acessórios, a Duquesa escolheu clutch e scarpins prateados, que mantiveram a delicadeza do look, além de chapéu, um clássico dos looks da realeza, e jóias no mesmo tom de azul. Uma combinação ousada que deu certo, afirma Fábio.

 

O Catherine Walker de mangas longas e saia godê foi a escolha de Kate para o ANZAC Day, na Abadia de Westminster em 2019. O dia é uma homenagem à batalha de Gallipoli, na Primeira Guerra Mundial, em que milhares de soldados ingleses, australianos e neozelandeses morreram. Kate chegou ao evento acompanhada do cunhado Harry, enquanto William estava celebrando o mesmo dia na Nova Zelândia e Meghan estava prestes a ter bebe. O clima entre os dois estava ótimo e ninguém imaginaria que, meses depois, começariam os boatos de briga na família que culminaram na saída de Meghan e Harry do posto de realeza. 

Ainda que sóbrio, o look de Kate contou com certa ousadia ao combinar o tom de azul do vestido com scarpin e clutch verdes. O contraste criou uma harmonização cromática e o casquete com penas no mesmo tom conferiu imponência ao look, finaliza Fabio.

Em tempos de isolamento, não se cobre tanto a ser produtiva:

 

%d blogueiros gostam disto: