Meghan Markle recebeu visita secreta

A duquesa estava apenas acompanhada do filho, príncipe Archie

Depois de dividir com o mundo que se sente isolada  e com dificuldades de se adaptar ao estilo reservado inglês, Meghan Markle recebeu uma visita muito especial essa semana em Windsor. Segundo a revista People, na terça (12) ninguém menos que a ex-primeira dama americana, Hillary Clinton, passou a tarde com a duquesa em Frogmore Cottage. Hillary estava na Inglaterra acompanhada pela filha, Chelsea Clinton e a viagem faz parte do lançamento de seu mais recente livro The Book of Gutsy WomenFavorite Stories of Courage and Resilience (O Livro das Mulheres de Coragem: Histórias Favoritas de Coragem e Resistência).

 (Reprodução/Getty Images)

O pequeno príncipe Archie estava com a famosa mamãe durante o encontro. “Foi muito fofo. Ela [Hillary] pôde segurá-lo no colo e fazer carinho”, contou a fonte. “Ela é muito coruja dos três filhos de [sua filha] Chelsea e o papo foi muito sobre recém nascidos e horários de amamentação”.

Segundo a coluna PageSix, do jornal americano NY Post, o encontro entre as duas foi organizado em sigilo pela atual assessora de imprensa de Meghan, Sara Latham, que já trabalhou para Hillary no passado. Durante o encontro Meghan comentou que o pequeno príncipe já está engatinhando, o que Hillary teria considerado cedo para seis meses de idade. As duas estavam felizes de estar juntas, mas algumas fontes do Palácio de Buckingham acreditam que nem toda conversa teria sido inocente. Meghan estaria discutindo com Hillary um papel internacional de relevância no caso de que ela e Harry de fato se mudem para os Estados Unidos.

Segundo o jornal britânico The Daily Mail, Chelsea Clinton não acompanhou sua mãe à visita e Harry também estava ausente. Há algumas semanas, Hillary criticou o tratamento da imprensa local à Meghan e disse que “como mãe, só queria abraçá-la”. Bom, certamente teve a chance!

 

Leia também: O Segredo da Rainha para manter suas jóias brilhantes

+ Influencer plus size  recria looks de Meghan e é alvo de gordofobia