Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Gwyneth Paltrow explica como Brad Pitt a defendeu de Harvey Weinstein

Em 1995, durante evento na Broadway, Harvey tentou molestar a atriz que foi protegida pelo então namorado das investidas do produtor

Por Maria Beatriz Melero - Atualizado em 26 Maio 2018, 14h58 - Publicado em 26 Maio 2018, 14h56

A atriz Gwyneth Paltrow, 45 anos, quase tornou-se uma das vítimas de abuso sexual do produtor Harvey Weinstein. Em entrevista ao programa do radialista Howard Stern, a vencedora do Oscar de Melhor Atriz em 1999 revelou que o ator Brad Pitt foi quem a ajudou a escapar desta situação.

Em 1995, durante a pré-estreia de Hamlet, na Broadway, Harvey aproveitou-se da ocasião para tentar abusar sexualmente de Gwyneth. Brad, então namorado da atriz, empurrou o produtor contra a parede e ameaçou matá-lo caso continuasse molestando a companheira. “Se alguma vez você voltar a importuná-la eu te mato”, disse o ator.

Segundo Gwyneth, aquela não havia sido a primeira investida de Harvey. Quando a atriz tinha 22 anos, o produtor lhe fez uma massagem e depois pediu que ela fosse ao quarto dele. Por sorte, ela conseguiu escapar. “Eu era uma menina, estava petrificada”, disse a atriz em uma entrevista ao The New York Times.

Na última sexta-feira (25), Harvey entregou-se à polícia de Nova York após a promotoria de Manhattan aceitar uma das denúncias de assédio sexual e estupro contra ele. O produtor acumula, ao menos, 75 relatos de vítimas que dizem ter sido suas vítimas no passado.

Continua após a publicidade

Leia mais: Cate Blanchett revela ter sofrido assédio de produtor e cobra julgamento

 

Publicidade