5 vezes em que Emma Watson nos encheu de orgulho

Não é de hoje que a nossa eterna Hermione Granger, que se declarou ativista do movimento feminista, tem nos surpreendido positivamente!

Não é de hoje que a nossa eterna Hermione Granger tem nos surpreendido positivamente. A atriz britânica que aparecerá nas telonas, em março de 2017, como Bela, no novo remake do clássico “A Bela e a Fera” se declarou, recentemente, ativista do movimento feminista.

E de lá para cá, jamais nos decepcionou, pelo contrário, sempre nos encheu de orgulho pela sua luta a favor dos direitos femininos no mundo. Confira os cinco momentos mais marcantes de sua trajetória como mulher:

Veja também: 5 momentos marcantes do encontro entre Emma Watson e Malala Yousafzai.

1. Quando discursou, na sede da ONU, sobre a recorrência dos abusos sexuais e a necessidade da igualdade de gênero no ambiente acadêmico

Após ter sido consagrada com o cargo de embaixadora das Nações Unidas, para integrar a campanha #HeForShe, há dois anos, Emma deu voz a um tema fundamental para a equidade de gêneros no ambiente universitário: o combate ao assédio sexual, muito comum em festas e nas dependências de várias universidades.

A atriz que discursou, em setembro deste ano, na sede da ONU, em Nova Iorque, ressaltou: “Nós sabemos que se você mudar as experiências dos estudantes para que eles tenham diferentes expectativas do mundo – expectativas de igualdade – a sociedade vai mudar. (…) Nós precisamos ver igualdade de respeito, de liderança e de salário”.

2. Quando seguiu seu sonho de cursar literatura inglesa

Mesmo após ter trancado o curso de literatura inglesa, em 2011, devido as gravações do último longa da saga que participou desde o princípio, “Harry Potter e as Relíquias da Morte: Parte 2”, Emma retomou os estudos e se formou, em 2014, na Brown University, em Rhode Island, nos Estados Unidos.

A atriz estudou por um ano na Universidade de Oxford, na Inglaterra, em sua terra natal, e após um ano, pediu transferência para o país americano. Super fofa, dividiu com seus fãs o momento após postar uma foto de beca e chapéu.

3. Quando, após ficar sabendo de um dos casos de estupro coletivo no Brasil, compartilhou a hashtag #EstuproNãoÉCulpaDaVítima, em sua conta no Twitter

Após ter conhecimento de um dos casos de estupro coletivo que mais chocou o Brasil, neste ano, em que uma garota de 16 anos foi violada por 33 homens, no Rio de Janeiro, e exposta, nua e desacordada, nas redes sociais, a atriz demonstrou seu apoio pela luta contra a cultura do estupro compartilhando a hashtag que entrou para os Trending Topics do Twitter naquela semana, #EstuproNãoÉCulpaDaVítima.

Emma passou o dia visitando o país africano de Malawi, para chamar a atenção da comunidade internacional sobre um dos maiores problemas que atinge a vida de garotas em situação de vulnerabilidade social: o casamento infantil. Metade de todas as garotas que vivem nesta região se casaram antes de completar 18 anos de idade, tanto é que o presidente Mutharike está unindo forças para acabar com esta situação através da campanha #HeForShe.

“É muito encorajador quando vemos que uma prática tão nociva para a vida destas pequenas pode ser interrompida quando entidades trabalham juntas para aprovar leis e transformá-las em realidade”, comentou a atriz. Estamos nesta luta com você, Emma!

5. Quando ela espalhou cem exemplares de um livro feminista pelo metrô de Londres

Nesta semana, a atriz escondeu uma centena de exemplares do livro “Mom & Me & Mom”, de Maya Angelou, pelo metrô londrino. As obras eram acomapanhadas de uma dedicatória superfofa escrita a mão pela própria Emma. A publicação é uma das mais lidas pelo seu clube do livro feminista. Quem aí adoraria ter a sorte de encontrar um?

Leia mais: Emma Watson conta que conheceu o feminismo ao trabalhar em ‘Harry Potter’.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s