Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Programação virtual reúne festivais como Cannes, Berlim e Veneza

Começa nesta sexta-feira (29) o festival We Are One, que reúne mais de 100 títulos de 35 países selecionados pelos maiores festivais de cinema do mundo

Por Da Redação - 29 Maio 2020, 11h59

Se prepare para curtir dez dias de programação digital e completamente gratuita com filmes, bate-papos e conteúdo musical. We Are One: A Global Film Festival, evento que reúne os principais festivais de cinema do mundo, como Cannes, Berlim e Veneza, começa nesta sexta-feira (29) e se estende até 7 de junho.

O festival é uma parceria entre o YouTube e o Tribeca Enterprises, companhia nova-iorquina cofundada por Robert De Niro e que é responsável pelo Festival de Tribeca.

Toda a programação estará disponível pela página da We Are One no YouTube e para garantir um melhor aproveitamento, nenhuma produção será interrompida por anúncios ou cobranças.

A curadoria do evento ficou por conta de 20 mostras renomadas, de diferentes origens. Além de Cannes, Berlim, Veneza e Tribeca, estão por trás da seleção das obras os festivais de Annecy, Londres, Guadalajara, Macau, Jerusalém, Mumbai, Karlovy Vary, Locarno, Marrekech, Nova York, San Sebastián, Sarevejo, Sundance, Sydney, Tóquio e Toronto.

Continua após a publicidade

Foram selecionados mais de 100 produções de 35 países, com um foco especial nos documentários. Entre os selecionados, se destacam Ricky Powell — The individualist, que conta a trajetória do fotógrafo americano e traz entrevistas com os atores Natasha Lyonne e LL Cool J.

Também haverá a estreia do documentário The Iron Hammer, o primeiro da diretora e atriz Joan Chen, e o drama indiano Eeb Allat Ooo!. Entre os curta-metragens, está o japonês Yalta Conference Online, que foi produzido especialmente para o festival digital.

Os espectadores também poderão curtir obras já premiadas, como o drama palestino Amreeka, que conta a história de uma mãe solteira palestina e seu filho adolescente que imigram para a cidade de Illinois e têm que enfrentar o preconceito existente contra os árabes. A produção do cineasta Cherien Dabis foi laureado pela Federação Internacional dos Críticos de Cinema (Fipresci), em Cannes, em 2009.

“Amreeka” é uma das obras já premiadas que serão exibidas online no We Are One We Are One/Reprodução

Entre os debates, estão programadas bate-papos com nomes conhecidos, como Bong Joon-Ho, diretor do filme coreano Parasita, grande vencedor do Oscar neste ano, e Song Kan-ho, um dos atores do longa. Os diretores Guillermo del Toro, Alejandro González Iñáritu, Francis Ford Coppola, Jane Campion e Claire Denis também estarão presentes.

Continua após a publicidade

Quem assistir às exibições do We Are One pode, ainda, fazer doações destinadas ao combate da Covid-19 pela Organização Mundial da Saúde – incluindo grupos de diferentes países que estiverem lutando para combater a doença.

Confira a programação completa do festival aqui

Todas as mulheres podem (e devem) assumir postura antirracista

Publicidade