Ilustradora oferece de graça desenhos de heroínas negras para colorir

A liga de heroínas vai da jovem vereadora Marielle Franco à guerreira e líder do Quilombo dos Palmares, Dandara

Se tem uma atividade que todo mundo já passou algumas horas se dedicando com atenção, é o ato de colorir ilustrações. Da tarefa da escola a liberar o estresse, levar cor a um desenho pode ser um passatempo prazeroso nesse período de isolamento social. Mas, se você não sabe por onde começar, a artista visual Taynara Cabral disponibiliza gratuitamente ilustrações de heroínas negras para download.

Elas não usam capas e nem têm superpoderes que superam os limites da física, como voar, por exemplo. Heroínas da vida real, o projeto Oficina em Casa traz os desenhos de 10 mulheres negras, que lutaram para ocupar espaços majoritariamente brancos e masculinos e garantir seus direitos sociais. 

Em seu trabalho artístico, Taynara mergulha na sua ancestralidade para obter resultados únicos e com muito a dizer ao público. “Ao longo dos últimos anos, tenho buscado através das minhas ilustrações dar protagonismo e contar a história de mulheres negras. A proposta do projeto nasce do meu desejo de aproximar mais as minhas produções para outros públicos, para além dos limites das redes sociais”, explica.

A liga de heroínas é formada pela vereadora Marielle Franco e a ativista Angela Davis, como as super corajosas; líder quilombola Teresa de Benguela, líder da Revolta dos Malês Luiza Mahin e a guerreira Dandara, como as super guerreiras, as autoras Lélia Gonzalez, Carolina de Jesus e Conceição Evaristo, como as super escritoras, e as cantoras Tia Ciata e Dona Ivone Lara com o poder da música.

Os desenhos, certamente, não tem contraindicação de idade, ou seja, a família inteira pode embarcar nessa missão de colorir as ilustrações. Mas a artista explica a importância desse material chegar aos pequenos, que estão formando sua bagagem cultural e social. “O imaginário infantil precisa ser disputado, é mais que urgente darmos novas referências de histórias e legados para nossas crianças, principalmente para as negras, para que assim, junto delas, possamos construir novas narrativas, novas possibilidades de futuro e de existência.

Para fazer o download das ilustrações, é só entrar neste site. Depois de imprimir, com lápis de cor ou tinta, deixe a criatividade fluir.