Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

8 receitas dos drinques tradicionais que toda festa em casa deve ter

De cosmopolitan a negroni, são opções de bebidas para todos os gostos!

Por Raquel Drehmer - Atualizado em 16 jan 2020, 02h12 - Publicado em 20 jan 2019, 23h27

Comidinhas e bebidas com e sem álcool são itens obrigatórios quando recebemos amigos e familiares em casa para uma festinha. Quando chega na parte dos bebes alcoólicos, você tem duas opções: servir as bebidas que já vêm prontas para consumo – como cerveja, espumante e vinho – ou preparar drinques um pouco mais elaborados.

Para quando você estiver na vibe de misturar ingredientes, trazemos aqui receitas de oito drinques tradicionais, que são sempre garantia de sucesso. Tire a coqueteleira do armário e arrase!

Cosmopolitan

Cosmopolitan - Drinques tradicionais
AleksandarNakic/Getty Images

Drinque favorito de Carrie Bradshaw (Sarah Jessica Parker) em “Sex and the City”, o Cosmopolitan é um mix perfeito de cranberry, limão e laranja. Além de gostoso, é lindo demais!

Dry martini

Caca Bratke
Caca Bratke/Divulgação

União simples de gim e vermute, o dry martini foi criado na Nova York de 1910 pelo barman John Martini para o magnata John D. Rockefeller. É a bebida preferida de James Bond, que prefere “batido, não mexido”. Mas você pode preparar como achar melhor, claro.

Continua após a publicidade

Cuba libre

Cuba libre - Drinques tradicionais

Criado pelos soldados norte-americanos durante as guerras de independência cubanas do fim do século 19, o Cuba libre tomou o mundo e é apreciado até hoje. Vai bombar nas suas festinhas!

Manhattan

Manhattan - Drinques tradicionais
Fabenne/Divulgação

Foi a mãe de Winston Churchill que pediu a um barman do Manhattan Club que criasse um drinque totalmente diferente, para impressionar Samuel J. Tilden, candidato à presidência dos EUA. A mistura de vermute com uísque é para paladares fortes – e sempre tem alguém assim nas reuniões de amigos, não é verdade?

Margarita

Salvador Cordaro
Salvador Cordaro/Divulgação

À base de tequila e sucos e com aquele salzinho esperto na borda da taça ou do copo, a margarita é um drinque que vem vencendo a barreira do tempo e nunca sai do gosto da galera. Garantia de sucesso.

Daiquiri

Daiquiri - Drinques tradicionais

O clássico cubano – sim, o Daiquiri também foi criado em Cuba – ficou um tempo esquecido, mas voltou com tudo. Aproveite essa combinação preciosa de rum, suco de limão e açúcar!

Continua após a publicidade

Bloody Mary

Bloody Mary - Drinques tradicionais

Na época da Lei Seca, os norte-americanos procuravam bebidas alcoólicas que parecessem “inofensivas”, e assim foi criado o Bloody Mary, que mais parece um suco do que um drinque. O mix de suco de tomate, molho inglês e pimenta com vodca é controverso, mas tem público cativo.

Negroni

Negroni - Drinques tradicionais

Em 1919, o conde italiano Camillo Negroni estava enjoado do Americano, drinque muito popular na época, e pediu para um barman criar uma variação mais forte dele. Assim nasceu o Negroni, que colocou o gim no lugar da soda em uma mistura com Campari e vermute. Cem anos se passaram e a bebida continua pop.

Publicidade