Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Imagem Blog

História de leitora

Leitoras de CLAUDIA contam suas lembranças emocionantes com a revista
Continua após publicidade

Como um AVC aos 23 anos me fez encontrar um novo caminho

Duda Schietti conta como a paralisia facial a fez embarcar em uma jornada de autoconhecimento e a inspirou a compartilhar experiências com outras pessoas

Por Duda Schietti
25 abr 2024, 15h00

Quantas vezes já não nos deparamos com alguma situação que está fora do nosso controle e a única saída é respirar fundo e seguir em frente? Foi o que aconteceu com a influenciadora digital Duda Schietti. Quando tinha apenas 23 anos de idade, a criadora de conteúdo se viu no olho do furacão tendo que lidar com uma doença grave.

Em 2013, Duda vivia seu sonho de cursar moda em Nova York quando sua vida se transformou por conta de um AVC (acidente vascular cerebral) repentino. Esse episódio fez com que ela descobrisse um cavernoma no tronco cerebral, que se rompeu causando uma paralisia facial no lado direito de seu rosto.

“Me formei em moda em 2012 e fiz estágios na área enquanto ainda estudava. Logo depois da minha formatura, decidi me mudar para Nova York, que sempre foi um grande sonho meu. Durante estadia na cidade, aos 23 anos, tudo mudou drasticamente quando sofri um AVC. Tive que voltar ao Brasil às pressas para uma cirurgia.

Desde então, minha vida se transformou completamente. Foi um momento muito decisivo. Depois da cirurgia, passei cerca de seis meses me recuperando. Durante esse tempo, não trabalhava e vivia na casa dos meus pais em Londrina, no Paraná. Intuitivamente, comecei a focar em minha cura.

Aproveitei o tempo com minha família para me reconstruir e refletir sobre minha jornada. Olhar para o espelho e não me reconhecer foi um choque. Afinal, o rosto é como nossa identidade, né? É como nos mostramos para o mundo, como nos conectamos com as pessoas e por onde somos vistos e lembrados.

Continua após a publicidade

De repente, senti que havia perdido essa parte importante de mim, mas aí é que mora o perigo: quando focamos nossa energia no que está faltando e no que não podemos controlar. Eu considero este momento em minha vida como um ponto de partida para uma nova mulher. Mas aceitar minhas imperfeições foi um processo lento, doloroso e trabalhoso.

Se eu enfrentei tudo isso e sobrevivi, então, sinto que é minha missão ajudar aqueles que passam por desafios semelhantes. Na época, eu ainda não tinha clareza sobre como poderia fazer isso, mas com o tempo percebi que até mesmo uma simples palavra em um texto ou algo que compartilho no Instagram, pode ter um impacto significativo na vida de alguém.

Decidi mudar meu jeito de pensar e entender que tudo que aconteceu foi o melhor que poderia ter acontecido, como costumo dizer. Então, mergulhei no universo do wellness, alimentação consciente, autoconhecimento e espiritualidade. Foi a partir daí que comecei a compartilhar minha nova rotina e todas essas descobertas no Instagram.

Me tornar influenciadora foi algo que aconteceu naturalmente e, aos poucos, fui percebendo uma conexão com meus seguidores e recebendo feedbacks positivos sobre meu conteúdo. Compartilho um pouco de tudo da minha vida de forma leve e espontânea. Desde meditação, looks, livros, até minhas receitas favoritas e reflexões pessoais, sejam alegrias ou tristezas.

Continua após a publicidade
https://www.instagram.com/dudaschietti/
“Me tornar influenciadora foi algo que aconteceu naturalmente e, aos poucos, fui percebendo uma conexão com meus seguidores” (Reprodução/Instagram)

Nesta jornada, aprendi que a adversidade pode ser uma oportunidade de crescimento e transformação. Hoje, vejo meu rosto não apenas como uma identidade externa, mas como uma expressão da minha força interior e da minha jornada de autodescoberta. E é essa jornada que compartilho, esperando inspirar outros a abraçarem suas próprias imperfeições e a encontrarem beleza na jornada da vida.

Cada desafio enfrentado, cada obstáculo superado, me moldou de uma maneira única. Descobri que a verdadeira beleza vive na aceitação de quem somos, com todas as nossas falhas. E é essa autenticidade que tento transmitir em cada post, para que outros também possam encontrar força e coragem em sua própria jornada pessoal.

Além disso, minha trajetória de autoconhecimento e bem-estar me levou a explorar novos horizontes e a abraçar um estilo de vida mais consciente. Desde práticas de meditação até a escolha de alimentos que nutrem tanto o corpo quanto a alma, tenho buscado cultivar um equilíbrio que vai além da simples aparência física.

Continua após a publicidade

Compartilhar essas descobertas e insights com minha comunidade se tornou uma fonte de inspiração e conexão. À medida que recebo mensagens de apoio e até mesmo de pessoas contando sobre experiências parecidas com a minha, me sinto parte de um grupo onde todos podemos aprender e crescer juntos.”

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Domine o fato. Confie na fonte.
10 grandes marcas em uma única assinatura digital

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.