Leitora de CLAUDIA passa por transformação com cabeleireiro Rodrigo Cintra

Depois de uma pausa para a maternidade, a produtora audiovisual Renata Borghini quer voltar ao trabalho. A mudança no visual veio para reforçar a confiança

A maternidade é uma experiência vivida de maneira diferente por cada mulher. Renata Borghini, 41 anos, sentiu-se deslocada quando voltou ao trabalho e deixou Pedro, então com 4 meses, em casa. “Não me considerava uma boa mãe nem boa profissional. A vaga exigia que eu cumprisse horários impossíveis de conciliar com a rotina da criança”, conta.

 (Nino Andrés/CLAUDIA)

O incômodo era tão grande que, com o apoio do marido, Mauro, optou por pedir demissão para se dedicar ao pequeno em tempo integral. A decisão foi acertada, mas agora, passados dois anos, Renata percebeu que aflorava a vontade de voltar ao mercado de trabalho. Na busca pela recolocação, concluiu que precisava investir na autoestima. “Estou me redescobrindo depois de um período de dedicação total à família. Não sou só mãe, mas também uma mulher”, reflete.

 (Nino Andrés/CLAUDIA)

Mudanças e desafios não a assustam. Natural de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo, trocou de cidade para cursar a faculdade de produção de imagem e som. Enfrentou a saudade de casa, superou um relacionamento abusivo e, formada, fez as malas novamente, desta vez rumo à capital, atrás de um emprego. Foi quando conheceu seu marido. Depois de tantas emoções, está preparada para outras aventuras. A transformação do visual não poderia acontecer em momento melhor.

DESTAQUE PERFEITO

 (Nino Andrés/CLAUDIA)

 (Nino Andrés/CLAUDIA)

O tom natural do cabelo de Renata já era um loiro-escuro-acinzentado. A aposta do cabeleireiro Rodrigo Cintra, de São Paulo, foi aproveitar essa base e criar contraste nas pontas. Essa é uma saída para valorizar o rosto sem mudar completamente a cor dos fios. O comprimento diminuiu e ganhou definição com um corte bob reto e pontas levemente desfiadas. “Fica despojado ao ser usado com a textura natural, mas também glamouroso se modelado com escova lisa ou babyliss”, explica o expert.

LEVEZA SOB MEDIDA

 (Nino Andrés/CLAUDIA)

A nuance rosada do batom foi o ponto de partida para a maquiadora Michelle Aprígio, de São Paulo. A ideia era criar uma proposta alegre de make para o dia a dia. A pele foi preparada com uma base líquida de acabamento luminoso – ótima alternativa para quem quer cobertura leve e com naturalidade. A camada de blush pêssego com iluminador perolado garantiu o efeito de rubor delicado. Os olhos foram marcados com sombra de tom camurça esfumada em formato gatinho, além de muitas camadas de máscara para cílios preta.

PARA TENTAR EM CASA

 (Divulgação/CLAUDIA)

1. Blush em pó, cor 10, Vult, R$ 19,90.
2. Batom cremoso, cor Tolède, Nars, R$ 129

%d blogueiros gostam disto: