Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Tchau, resort! 5 destinos menos óbvios para viajar com crianças

Cansou dos parques, fazendinhas e áreas de recreação de resorts? Pode preparar a mala que temos opções bacanas pra uma viagem mais exótica em família

Por Fernanda Tsuji Atualizado em 15 jan 2020, 19h52 - Publicado em 20 abr 2019, 10h01

Viajar em família parece ser sinônimo de resorts, hotéis fazendas ou grandes parques em Orlando. Nada contra qualquer um destes passeios deliciosos, mas dá sim para viajar com crianças para destinos menos óbvios e que permitam ampliar o repertório dos pequenos.

Conversamos com Claudine Blanco, mãe de dois e proprietária do Viajar com crianças, uma agência especializada em destinos para curtir em família. “A ideia é que os pais brinquem e façam atividade com os filhos, sem aquela programação intensa de resorts, por exemplo, que lotam a agenda da criança e acabam afastando os momentos familiares”, explica Claudine.

A dica primordial que ela dá para quem quer se aventurar é planejar muito bem o tipo de passeio que pretende fazer, levando em consideração as aptidões e vontades de todos os familiares e a idade das crianças que vão viajar. “Não adianta estressar pai e filhos. Um bebê de dois anos, por exemplo, com pouca autonomia motora e uma rotina muito estabelecida, não aproveitaria tanto uma viagem que envolvesse bicicleta como uma criança maior. Ela ficaria mais como acompanhante do que participante. Agora se a família tem irmãos de idades diversas, aí adaptamos o roteiro para que todos curtam sem ser desgastante pra ninguém”, diz ela, contando que a maior preocupação dos pais costuma ser com a infra-estrutura, a logística e se tem hospitais por perto do destino.

A especialista listou 5 passeios bem bacanas que vão deixar os seus filhos curiosos 24 horas por dia e que prometem ser bem divertidos para os pais também. É hora de coletar as moedinhas nos cofrinhos e planejar as próximas férias! Imagina só as fotos incríveis que vocês vão tirar lá!

Visitar os sítios arqueológicos em Machu Picchu

Quer uma boa maneira de aliar história a um passeio inesquecível? O Peru é um lugar repleto de lendas e com uma cultura fascinante. Claro que você não vai percorrer todo o caminho de Machu Picchu com um mochilão, mas dá para visitar os principais parques arqueológicos com os pequenos. Oficinas de cerâmica Inca, culinária e arte também são possibilidades interessantes. Uma boa dica ao criar um roteiro para lá é escolher bem o meio de locomoção e as paradas, para que não fique cansativos os longos trajetos de carro e trem. Prefira também horários diferentes e menos concorridos pelos turistas.

Nadar na Chapada Diamantina

Um dos destinos de ecoturismo mais amados no Brasil também pode ser um passeio imperdível pras crianças. Explorar as grutas, nadar em rios paradisíacos e andar de barco são ótimas pedidas na Chapada Diamantina, na Bahia. Apesar de ser um local muito frequentado por quem faz trekking, claro que você não vai sair em trilhas muito longas com os pequenos, mas caminhadas até cachoeiras e piqueniques na mata podem ser bem divertidos. A especialista indica uma semana por lá para aproveitar tudo que a Chapada tem a oferecer.

Continua após a publicidade

Andar de bicicleta no Deserto do Atacama

 

Paisagens inesquecíveis, dunas gigantescas e lagoas com cores exuberantes são só parte da aventura de estar no deserto do Atacama, no Chile. Como é preciso percorrer trechos longos, as famílias costumam se divertir com passeios em veículos 4×4, cavalo e até bicicletas. Segundo Claudine, o melhor período é em julho, inverno, em que dá pra dar uma esticadinha em Santiago pra esquiar nas montanhas. Muitos pais que têm filhos únicos ou são separados querem ter companhia de outras famílias, então é uma boa chance de fazer amizades também. Só lembre que é um destino que é preciso caminhar, então a criança tem que gostar.

Passear de barco na Amazônia

https://www.instagram.com/p/Bv6rXWUHIcL/

A maior floresta tropical do mundo pode ser um destino muito rico pra crianças que amam animais e a flora. Neste passeio pela Amazônia, dá pra fazer observações de pássaros, andar de barco pra ver o encontro das águas e até nadar com botos. E as férias escolares em julho são perfeitas pra este destino, já que é um dos meses mais secos da região amazônica permitindo passeios mais tranquilos e sem chuvas. “Temos uma opção de visitar acompanhado de uma pedagoga, assim as informações são passadas de uma maneira que as crianças consigam absorver. Isto desperta um senso ecológico”, explica Claudine. 

Fazer um cruzeiro no Alasca e visitar os parques no Canadá

Um passeio muito legal pra fazer em julho. O roteiro começa com visitas aos parques nacionais no Canadá, com seus picos nevados e lagos glaciais incríveis. Passeios de barco e caminhadas são boas pedidas nesta região. E animados, muitos pais acabam unindo mais uma aventura neste roteiro: um cruzeiro pelo Alasca (EUA). Quem sabe dá até pra ver uma baleia no caminho? Só um detalhe importante nesta viagem: a idade mínima é de 6 anos, tá? “Quanto mais os pais tiverem segurança daquilo que vão fazer na viagem, melhor. Vale a pena pesquisar os locais que vão visitar, planejar a logística e ter a certeza de que sua família está apta pra esta aventura”, conclui a especialista. Boa viagem!

 

Continua após a publicidade
Publicidade