Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Meu cachorro destrói a casa quando eu saio

Talvez seu cão sofra com a ansiedade da separação. Saiba como lidar com esta situação e crie um bicho calmo e feliz

Por Redação M de Mulher Atualizado em 17 jan 2020, 09h51 - Publicado em 27 nov 2011, 21h00
Meu cachorro destrói a casa quando eu saio

Espalhar pela casa brinquedos e roupas com o seu cheiro pode ajudar o cachorro a ficar mais calmo
Foto: Getty Images


Latir sem parar, roer móveis, arranhar a porta até fazer buraco… Parece coisa de cachorro arteiro querendo chamar atenção? Pois isso não passa de um sofrimento comum. ”Esses podem ser sintomas de ansiedade da separação, um comportamento comum em cães que sofrem muito quando o dono sai de casa”, alerta o veterinário Mauro Lantzman, especialista em comportamento animal. Ralhar com o cachorro ou aumentar os mimos só piora o problema. 

Como lidar com cachorros ansiosos

. É preciso ensinar o cachorro a tolerar a sua ausência aos poucos, começando com alguns minutos diários. Primeiro, saia de casa e volte logo, sem lhe dar muita atenção. Tome o cuidado de retornar antes de ele demonstrar os sintomas de ansiedade e de não mimá-lo ao voltar.

. Casos graves são tratados com remédios sob orientação de um veterinário.

. Quanto antes você começar o tratamento, maiores as chances de cura. Espalhar pela casa brinquedos e roupas com o seu cheiro pode ajudar, mas não resolve.

Para não ter esse problema

Continua após a publicidade

. Comece os cuidados quando o cão ainda é filhote.

. Seja carinhosa, mas não estimule o apego excessivo entre vocês, por mais fofinho e carente que seu bicho de estimação seja.

. Evite passar horas com o cachorro no colo ou paparicá-lo sempre que ele choramingar com carinha de pidão. Resista a essa chantagem – para o bem do animal. E o seu.

 

Ansiedade da separação


O que é
Sofrimento extremo causado pela ausência do dono.

Causas
Filhotes mimados ou separados da família antes dos 3 meses têm maiores chances de desenvolver o problema na fase adulta. A ansiedade surge quando o dono muda de emprego ou de hábitos e passa a ficar mais tempo fora de casa. Acontecimentos traumáticos, como trovões ou fogos de artifício, pioram o quadro.

Sintomas
O cachorro chora, treme, pede atenção ou fica triste ao perceber que o dono vai sair. Na sua ausência, late, se lambe, destrói móveis e perde a fome. Assim que o dono volta, fica eufórico.

Continua após a publicidade
Publicidade