Em vídeo: estranhos defendem menina que sofria bullying

O vídeo, um experimento promovido por um canal de TV americano, comoveu a internet

Quem vai acabar com o bullying? Essa é a pergunta que o experimento da UpTV, um canal de TV americano, faz aos espectadores. Com uma câmera escondida, eles gravaram a reação de várias pessoas ao presenciar uma garota sofrendo bullying. No ponto de ônibus, a jovem está sentada ao lado de duas meninas mais velhas que ficam dizendo coisas maldosas, como: “Todo mundo diz que você é estranha porque você só lê e não tem amigos” ou “Ouvi dizer que você tentou conseguir uma parte no musical da escola. Falaram que você parece um porco gritando quando tenta cantar”. A menina menor não reage, só demonstra a tristeza.

Diversos adultos defendem a garota menor. Alguns até se oferecem para acompanha-la no ônibus ou chamam-na para sentar perto deles. “Você acha que é bonito falar com alguém assim? Como você se sentiria se estivesse no lugar dela?”, questiona uma mulher. Um homem diz: “Vocês não têm nada de legal para dizer? Só essas porcarias?”.

No final do vídeo aparece a mensagem: Todos nós vamos acabar com o bullying. O experimento é apenas um pedaço de uma enorme campanha que o canal está promovendo. Segundo dados, 1 em cada 3 crianças vai ser vítima de bullying, o que pode ser destruidor para a autoestima de muitos jovens. Eles recomendam que os pais conversem com as crianças para empoderá-las: “Escute o que seu filho tem para contar e mostre que você está sempre ao lado dele para apoiá-lo, que ele pode contar com você”. Além disso, a campanha sugere envolver a comunidade, mostrar que acabar com o bullying e reprimir quem faz isso é responsabilidade de todos.