Brincar com culinária pode melhorar a alimentação dos seus filhos

Providencie os aventais e mãos à obra!

Pode acreditar: lugar de criança é na cozinha. Apesar dos perigos inerentes ao espaço, como o risco de queimaduras e cortes, é possível garantir brincadeiras seguras e divertidas. Basta planejar com cuidado, respeitando as características de cada faixa etária. Quem garante é o chef-confeiteiro Fernando Oliveira, responsável pelas aulas de culinária para crianças realizadas no empório Eataly, em São Paulo. “Crianças são curiosas por natureza e, dentro da cozinha, essa curiosidade aflora ainda mais. Mas elas também assimilam rapidamente os processos e as regras”, afirma.

Manipular facas, acender a chama do fogão ou abrir o forno quente, por exemplo, são tarefas que devem ficar sob a responsabilidade de um adulto. As crianças, por sua vez, devem sempre vestir roupas e sapatos confortáveis, livres de adornos. Receitas que levam poucos ingredientes e ficam prontas em menos tempo, aconselha o chef, são ideais para os iniciantes. E esteja preparado para um bem-vindo efeito colateral: não é raro que os pequenos cozinheiros terminem a aula com menos restrições alimentares. Segundo Fernando, é comum ver os alunos provando alimentos que eles dizem não gostar – principalmente aqueles que costumam ficar no canto do prato, como legumes e verduras. “O contato com os ingredientes é mágico. Descobertas só acontecem quando tentamos coisas novas, e as crianças são experts nisso.”

A receita a seguir faz parte das apostilas de Fernando e até parece coisa de profissional. Mas ele garante que crianças a partir de seis anos têm plenas condições de executá-la – desde que acompanhadas por um adulto. “Massas fazem parte do dia a dia infantil e possibilitam uma infinidade de combinações com os molhos, vegetais e carnes”, defende. “Essa versão, com molho de tomate fresco, é saudável e muito nutritiva.” Então, mãozinhas na massa já!

MASSA FRESCA COM MOLHO DE TOMATE

4 porções

Ingredientes

massa

150 g de farinha de trigo

50 g de semolina

2 ovos inteiros

molho

8 tomates italianos picados

1 cebola

2 dentes de alho triturados

tomilho, orégano e manjericão frescos a gosto

3 colheres (sopa) de azeite

sal a gosto

parmesão ralado para polvilhar

Modo de fazer

massa

  • Em um recipiente grande, misture a farinha de trigo e a semolina. Depois acrescente os ovos e misture bem, com as mãos, até que a massa fique lisa – para misturar melhor, polvilhe farinha de trigo sobre a mesa e sove bem.
  • Agora embale a massa em filme-plástico e leve à geladeira por 20 minutos. Depois abra a massa com um rolo e corte em fios, ou modele como preferir. Reserve.

molho

  • Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola até dourar. Acrescente o alho, adicione os tomates e mexa bem. Tempere com as ervas, tampe a panela, reduza o fogo e deixe apurar por cerca de 10 minutos. Desligue e reserve.

Finalização

  • Em uma panela com bastante água fervente, adicione um punhado de sal e cozinhe a massa por aproximadamente 3 minutos. Escorra e sirva com o molho.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s