Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

10 habilidades que as crianças desenvolvem nas brincadeiras

Você sabia que o esconde-esconde e o cabo de guerra estimulam a liderança, o equilíbrio e até a reflexão estratégica? Apresente os jogos antigos para seus filhos se divertirem enquanto eles aprendem.

Por Silvia Regina (colaboradora) Atualizado em 14 jan 2020, 22h58 - Publicado em 13 jan 2015, 08h34

Gato mia, cirandinha, cabra-cega… Essas brincadeiras, tão populares no passado, estão perdendo espaço entre as crianças de hoje. “Muitos pais não incentivam os filhos a brincar como antigamente porque é mais cômodo lhes oferecer um tablet”, alerta a professora Maria Angela Barbato Coelho, do núcleo de Cultura e Pesquisas do Brincar da PUC, de São Paulo. Além de divertirem, essas atividades desenvolvem habilidades importantes, como equilíbrio, força e liderança. Conheça os outros benefícios dessas brincadeiras na página ao lado e ensine-as a seus filhos!

Relembre as regras

  • Cirandinha: as crianças ficam de mãos dadas enquanto giram e cantam cantigas de roda, como Ciranda, Cirandinha.
  • Meu mestre mandou: a turma obedece às ordens de um “chefe”. Quem não achar o objeto que ele pedir paga uma prenda.
  • Cabo de guerra: amarra-se um lenço no meio de uma corda. Cada grupo fica numa ponta da corda e começa a puxá-la. Ganha o time que conseguir deslocar mais o lenço de lugar.
  • Pula-sela: uma criança se abaixa apoiando as mãos nos joelhos. Outra salta sobre ela, colocando as mãos nas costas do amigo.
  • Batata quente: um participante passa a bola para o outro e todos cantam: “Batata quente, quente…” Quando gritarem “queimou”, sai quem estiver com a bola.
  • Passa-anel: segurando um anel, uma criança passa sua mão entre as dos amigos. Quem descobrir com quem o anelzinho ficou é o próximo a passá-lo.
  • Gato mia: uma criança fica fora de um quarto, onde as demais se escondem. O pegador entra com os olhos vendados. Quando pega alguém, a vítima mia e o pegador tem que adivinhar quem é.
  • Esconde-esconde: o pegador conta até 20 e sai à procura dos amigos. O primeiro a ser pego será o próximo a procurar os outros.
  • Cabra-cega: uma criança vendada tenta agarrar as outras. A primeira vítima será a nova cabra-cega.

Habilidades desenvolvidas pelas brincadeiras

Liderança

  • Brincadeiras: Meu Mestre Mandou e Cabo de Guerra
  • Benefícios: fazem a criança se sentir mais confiante

Força

  • Brincadeiras: Cabo de Guerra e Pula-sela
  • Benefícios: melhoram o desempenho físico

Equilíbrio

  • Brincadeiras: Cabo de Guerra e Cabra-cega
  • Benefícios: ensinam a controlar bem o próprio corpo

Controle da ansiedade

  • Brincadeiras: Batata Quente e Passa-anel
  • Benefícios: mostram a importância de se manter a calma

Memória e imaginação

  • Brincadeiras: Meu Mestre Mandou e Gato Mia
  • Benefícios: trabalham a capacidade de inventar coisas

Reflexão estratégica

  • Brincadeiras: Cabo de Guerra e Esconde-esconde
  • Benefícios: ensinam a calcular riscos na hora de tomar decisões

Confiança

  • Brincadeiras: Cabra-cega e Gato Mia
  • Benefícios: fazem a criança botar mais fé em si mesma

Trabalho em equipe

  • Brincadeiras: Cirandinha e Cabo de Guerra
  • Benefícios: demonstram o valor da cooperação

Domínio das emoções

  • Brincadeiras: Gato Mia e Esconde-esconde
  • Benefícios: provam quanto é importante ser menos impulsivo

Coordenação motora

  • Brincadeiras: Batata Quente, Cabra-cega e Pula-sela
  • Benefícios: estimulam movimentos mais harmoniosos
Continua após a publicidade
Publicidade