Clique e assine Claudia a partir de R$ 5,90/mês

Vacina contra coronavírus é criada por pesquisadores de Hong Kong

De acordo com o médico e microbiologista Yuen Kwok-yung, ela ainda passará por testes em animais e humanos, o que pode levar um longo período

Por Da Redação - 29 jan 2020, 11h22

Pesquisadores de Hong Kong já criaram uma vacina contra o novo coronavírus, de acordo com anúncio realizado pelo médico e microbiologista Yuen Kwok-yung. Entretanto, ela ainda passará por testes em animais, o que pode levar meses, e será preciso, ainda, mais um ano de testes em humanos, segundo o profissional. As informações são do jornal South China Morning Post.

De acordo com a reportagem, a nova vacina é uma modificação da vacina da gripe que deve proteger tanto do coronavírus, quanto de gripes comuns. Se os testes forem bem sucedidos, ela poderá ser a resposta para a infecção que já matou 132 pessoas e infectou cerca de 6 mil na China até a publicação desta nota.

Na China também está sendo produzida uma vacina para conter a doença, segundo anúncio feito pelo especialista em doenças infeccionas Li Lanjuan, na segunda-feira (27). No entanto, ela levanta algumas dúvidas para Kwok-yung quanto a sua funcionalidade.

Ele disse que a vacina que está sendo desenvolvida na China tem chances de ser baseada em uma versão inativa do vírus, cuja propriedade contagiosa é destruída em laboratório, o que poderia resultar na apresentação de sintomas mais graves em pessoas que tomarem a vacina e forem contaminadas com o vírus. Segundo o médico, essa reação já foi registrada em relatórios.

 

Continua após a publicidade

Além das pesquisas em Hong Kong e na China, um grupo de cientistas do Instituto Nacional de Saúde dos Estados Unidos (NIH) também se esforçam para desenvolver uma vacina contra o novo coronavírus.

De acordo com a agência de notícias Reuters, ela deve ser testada em humanos em até três meses e será desenvolvida a partir do código genético desta nova mutação do coronavírus, conhecida como 2019-nCOV.

O diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infeccionas dos EUA no NIH, Anthony Fauci, afirmou que o prazo estabelecido é o mais rápido já feito pelo instituto.

 

Continua após a publicidade

Como se livrar das dívidas e multiplicar seu dinheiro

 

Continua após a publicidade
Continua após a publicidade
Publicidade