Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Os melhores princípios ativos de produtos para a pele em cada fase da vida

Saiba o que procurar nos rótulos de seus produtos aos 20, aos 30, aos 40, aos 50 e depois dos 60 anos de idade.

Por Raquel Drehmer Atualizado em 16 jan 2020, 10h00 - Publicado em 26 ago 2018, 11h47

Cada fase da vida tem suas delícias e seus lados não tão maravilhosos assim, o que inclui as características da pele e os cuidados progressivos que devemos ter com ela para manter sua saúde e sua beleza. “No processo de envelhecimento natural existem mudanças na estrutura facial, fazendo com que contorno e volume sejam perdidos. Os cuidados diários ajudam a diminuir o ritmo dessa evolução e a manter as características de uma pele bonita e saudável”, afirma o dermatologista Juliano Scaliante Barreto, do Cejam (Centro de Estudos e Pesquisas Dr. João Amorim).

A sequência de cuidados básicos é a mesma para todas as faixas etárias, como explica a dermatologista Eduarda Braga Esteves, da Clínica Ephesus: “A ordem a ser seguida é higienizar, tonificar, hidratar, tratar e proteger da radiação ultravioleta e luz visível”.

Vale destacar aqui que o filtro solar é necessário ao longo de toda a vida para proteger a pele contra os raios UVA e UVB e, assim, evitar câncer de pele e outras doenças cutâneas, além do envelhecimento precoce da pele. Eduarda prossegue: “De acordo com a idade do paciente, cada etapa é individualizada e a escolha dos melhores princípios ativos deve ser orientada pelo dermatologista.”

Eba, chegamos a um ponto interessantíssimo: que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos para a pele em cada faixa etária? Pedimos para os especialistas nos explicarem e trazemos tudinho aqui para você.

Princípios ativos poderosos para a pele aos 20 anos

Características da pele:

É firme e consistente, pois está no ápice da concentração de colágeno e elastina. Também é mais propensa a ter pontos de oleosidade ou ser oleosa, devido à produção hormonal acentuada.

Que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos:

Nos sabonetes e tônicos – gluconato de zinco, LHA, ácido glicólico e ácido salicílico para controlar a oleosidade.

Nos hidratantes e cremes/séruns/géis – antioxidantes, como as vitaminas C e E; a vitamina C também é chamada de ácido-L-Ascórbico e age na formação de colágeno e no clareamento de manchas. “Quanto mais cedo iniciarem os cuidados com a pele, maiores os benefícios no futuro”, justifica Eduarda.

Princípios ativos poderosos para a pele aos 30 anos

Características da pele:

Começa a diminuição na produção de colágeno e elastina pelo organismo, o que pode trazer os primeiros sinais de flacidez e linhas na região dos olhos.

Que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos:

Os sabonetes e tônicos passam a ser os específicos para o tipo de pele – seca, mista, oleosa ou normal – e não precisam mais necessariamente de elementos secativos como na época dos 20 anos.

Aos princípios ativos dos hidratantes e cremes/séruns/géis acrescenta-se o ácido retinoico, importante na renovação celular e na estimulação da produção de colágeno.

Continua após a publicidade

Princípios ativos poderosos para a pele aos 40 anos

Características da pele:

A pele entra na fase madura, em que a perda natural de colágeno e elastina é certa. Surgem em definitivo os primeiros sinais de flacidez e de linhas de expressão, especialmente na região ao redor dos olhos, que passa a precisar de cuidados especiais.

Que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos:

Aos que já estão em uso juntam-se princípios ativos de preenchimento – o ácido hialurônico, muito efetivo para amenizar as linhas finas – e os que amenizam as bolsas ao redor dos olhos e que promovem o clareamento de manchas – cafeína, ácido kójico, ceramida, retinol, gingko biloba e arnica.

Princípios ativos poderosos para a pele aos 50 anos

Características da pele:

O declínio hormonal causado pela menopausa tende a tornar a pele mais ressecada e menos viçosa. Pescoço, colo e dorso das mãos entram nas áreas de atenção nos cuidados diários, ou seja, os produtos devem ser aplicados também neles.

Que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos:

Agora é importante não descuidar do uso dos ácidos – retinoico, hialurônico, glicólico – e dos antioxidantes – a vitamina C e E. Novas boas escolhas envolvem agentes tensores, como DMAE e tensine.

Princípios ativos poderosos para a pele aos 60 anos

Características da pele:

Já existe uma perda significativa das estruturas de sustentação da face, com a reabsorção óssea, a diminuição do tônus muscular e da densidade da pele. A flacidez e a perda do contorno facial vêm como consequências e os sulcos ficam mais evidentes.

Que princípios ativos procurar nos rótulos dos produtos:

Para cuidar da pele na terceira idade é importante o uso de agentes hidratantes poderosos, como ceramida 3, D-pantenol, PCA-Na e o NMF – além de tudo que já vinha sendo utilizado nas fases anteriores.

Vale também associar ao tratamento caseiro os procedimentos em consultório dermatológico, com preenchedores e bioestimuladores.

 

E lembre-se: cada pessoa pode e merece ter uma atenção individualizada à pele. Se você ficar confusa diante de tantas alternativas, consulte um médico dermatologista. Ele ou ela poderá lhe orientar a encontrar o melhor para o seu caso nas prateleiras das farmácias.

Continua após a publicidade
Publicidade