Clique e assine com até 75% de desconto

Quase 20% dos que tiveram Covid-19 desenvolveram distúrbios psiquiátricos

Pesquisa da Universidade de Oxford teve como base milhões de registros médicos nos Estados Unidos

Por Da Redação Atualizado em 10 nov 2020, 15h51 - Publicado em 10 nov 2020, 12h32

Uma pesquisa divulgada por cientistas da Universidade de Oxford e do NIHR Oxford Health Biomedical Research Center faz uma associação preocupante entre a Covid-19 e distúrbios psiquiátricos.

Segundo a pesquisa uma em cada cinco pessoas que testaram positivo para Covid-19 desenvolveu ansiedade, depressão ou insônia em até 3 meses após o diagnóstico positivo para o novo coronavírus.

As investigações foram feitas com base em 70 milhões de registros de saúde nos Estados Unidos , incluindo mais de 62 mil casos de Covid-19 em que não foi necessária a internação em hospital nem houve visita ao pronto-socorro.

As informações médicas revelam que a incidência de diagnóstico de distúrbio psiquiátrico entre 14 e 90 dias após o teste positivo para o novo coronavírus foi de 18,1%.

Os pesquisadores também associaram condições prévias ligadas à saúde mental a uma maior chance de se infectar com o vírus.  Pessoas com um diagnóstico de saúde mental pré-existente tinham 65% mais chances de serem diagnosticadas com Covid-19, revela o estudo.

Um dos autores da pesquisa, Max Taquet, disse que a descoberta foi inesperada e que ainda é necessária maior investigação. “Enquanto isso, ter um transtorno psiquiátrico deve ser adicionado à lista de fatores de risco para Covid-19 ”, disse o pesquisador clínico acadêmico do NIHR e um dos autores da análise.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade