Tom Hanks volta para os Estados Unidos

Ator estava em quarentena na Austrália, onde foi infectado pelo Coronavírus

De volta para casa. O ator Tom Hanks e sua mulher, a atriz e cantora Rita Wilson, estão de volta aos Estados Unidos depois de semanas isolados na Austrália, onde os dois foram testados positivo para o novo coronavírus.

Hanks estava no país para participar de um novo filme biográfico do cantor Elvis Presley, que será dirigido por Baz Lurhman. No filme, ele será o empresário e mentor de Presley, o controverso coronel Tom Parker, que tinha domínio total da carreira e da vida do cantor, que morreu aos 42 anos, em 1977.  Ainda na fase de pré-produção,  o ator e sua mulher foram testados positivo para o coronavírus depois que ela teve os primeiros sintomas. Os dois foram umas das primeiras celebridades internacionais a admitir a doença e vir a público divulgar o isolamento, ajudando a conscientização dos fãs e pessoas ao redor do mundo.

Segundo a coluna PageSix, Hanks e Wilson chegaram em Los Angeles em um jato particular e assim que pousaram, o astro desceu, beijou chão e fez uma dança de comemoração. O casal ficou hospitalizado por poucos dias e depois fez quarentena em uma residência particular em Sidney.  Hanks, que é diabético e tem mais de 70 anos, manteve um diário do isolamento no Twitter, atualizando as novidades quase diariamente,

“Se isolar funciona assim: você não transmite para ninguém e você não pega de ninguém. Bom senso, não?”, ele escreveu.  “Vai demorar um pouco, mas se cuidarmos um do outro, ajudarmos como pudermos, abrir mão de alguns confortos… isso também vai passar. Podemos descobrir como”, disse.

Durante a quarentena, os dois também dividiram uma playlist com os fãs, que Wilson batizou como “Quarentunes”.

Não foi confirmado se em um segundo teste o casal teve resultados negativos antes de viajar, mas dificilmente Hanks teria desobedecido ordens médicas depois do susto.

 

%d blogueiros gostam disto: