Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

Nath Finanças é a única brasileira entre os 50 maiores líderes do mundo

Aos 22 anos, a influenciadora e administradora se destacou com suas aulas de finanças pessoais voltadas para um público com baixa renda

Por Da Redação 14 Maio 2021, 18h55

A influenciadora brasileira Nathália Rodrigues, mais conhecida como Nath Finanças, foi apontada pela revista americana Fortune com um dos 50 maiores líderes do mundo na lista publicada nesta quarta-feira (12). Ela, que ocupa a 41ª posição, também é a única brasileira a integrar o ranking. 

Conhecida por falar de finanças de uma forma descomplicada, Nath, uma carioca de apenas 22 anos, faz sucesso no YouTube e nas redes sociais. Voltando-se especificamente para um público com menor poder aquisitivo, a influenciadora dá dicas de como ser mais econômico e evitar gastos abusivos.

A Fortune, que divulga todos os anos os 50 nomes mais influentes na área de negócios e economias do mundo, ainda destacou que “é raro que influenciadores de mídia social incentivem seus seguidores a não gastar dinheiro” e que o trabalho de Nath é marcado por muita simplicidade e prudência por meio de suas “coloridas aulas de vídeo sobre finanças pessoais”.

A revista também destacou a pandemia do novo coronavírus como um dos fortes aliados da influenciadora, já que cenário que levou muitas pessoas a procurarem suporte financeiro dinheiro. O auxílio emergencial e os bancos digitais, recurso que ainda é novidade para grande parte da população no Brasil, foram destaques nesse meio.

“Nath Finanças se concentra no básico — como as taxas de juros funcionam, orçando e fazendo malabarismos com várias contas, evitando taxas desnecessárias. Mas, para muitos de seus seguidores, é o primeiro conselho financeiro detalhado que eles já receberam”, também defende o artigo.

A carioca usou as redes sociais para comemorar a conquista:

Continua após a publicidade

Além de Nath, outro nome feminino presente na lista é de Jacinda Ardern, primeira-ministra da Nova Zelândia e exemplo na administração da nação no enfrentamento da pandemia, que encabeça o ranking.

  • Continua após a publicidade
    Publicidade