Assine CLAUDIA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Mumbai põe figura feminina em semáforos para incentivar mulheres nas ruas

Medida faz parte de um plano municipal para tornar as estradas mais amigáveis aos pedestres e foi celebrada por ativistas da igualdade de gênero

Por Da Redação
Atualizado em 4 ago 2020, 16h49 - Publicado em 4 ago 2020, 16h21

Mumbai acaba de se tornar a primeira cidade indiana a ter figuras femininas em seus semáforos. A medida, que alcançará mais de 100 dos equipamentos locais, faz parte de um plano municipal que visa não apenas uma maior inclusão, mas também tornar as estradas mais amigáveis aos pedestres.

Segundo Kiran Dighavar, comissário assistente da Corporação Municipal de Mumbai, a mudança é apenas o começo. “A sinalização reflete o caráter da cidade… que acredita na igualdade de gênero e promove o empoderamento das mulheres”, declarou à Reuters.

Para ativistas da causa da igualdade de gênero, apesar de parecer pequena, a novidade é significativa, uma vez que em muitas cidades indianas as mulheres não ocupam tanto as ruas.

“Se uma geração de meninas cresce vendo figuras de mulheres nos sinais de trânsito, isso envia um pequeno, mas poderoso sinal de que as mulheres pertencem ao espaço público”, explicou Shilpa Phadke, cientista social e co-autora do livro Why Loiter?: Women and Risk on Mumbai Streets, em que discorre sobre a segurança feminina na cidade indiana. “A presença de tal simbolismo em público pode desfazer a ideia de que a pessoa imaginada na rua é do sexo masculino… isso é simbolicamente valioso a longo prazo.”

Continua após a publicidade

Tida como a capital financeira da Índia, Mumbai possui vagões e assentos exclusivos para mulheres em ônibus e trens, o que a torna uma das cidades mais seguras para elas em um país que já foi classificado como o mais inseguro do mundo, segundo pesquisa realizada em 2018 pela Thomson Reuters Foundation.

Nos últimos anos, diversas localidades da Índia passaram a empregar esforços para tornar os espaços públicos mais acessíveis. Ano passado, Déli anunciou a gratuidade do transporte público para mulheres a fim de aumentar sua mobilidade. Na mesma linha e para evitar que meninas abandonem os estudos por falta de transporte, vários outros estados realizam a distribuição gratuita de bicicletas para elas.

Conversando sobre notícias ruins com as crianças

Publicidade

Essa é uma matéria fechada para assinantes.
Se você já é assinante clique aqui para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

O mundo está mudando. O tempo todo.
Acompanhe por CLAUDIA e tenha acesso digital a todos os títulos Abril.

Acompanhe por CLAUDIA.

Impressa + Digital no App
Impressa + Digital
Impressa + Digital no App

Moda, beleza, autoconhecimento, mais de 11 mil receitas testadas e aprovadas, previsões diárias, semanais e mensais de astrologia!

Receba mensalmente Claudia impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições
digitais e acervos nos aplicativos de Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Superinteressante, Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 12,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.