Menina tem cabelos raspados na escola por “higiene”

A mãe Denise Robinson revelou que a criança foi levada a um cabeleireiro sem o consentimento dos parentes

Uma menina de 7 anos de idade teve todo o cabelo raspado na escola onde estuda sem a autorização de qualquer um de seus responsáveis.

Caso aconteceu em Massachusettes, nos Estados Unidos. A mãe Denise Robinson revelou ao tabloide The Sun que a criança foi levada a um cabeleireiro sem o consentimento ou pedido de parentes.

A pequena passa do dia na instituição “Little Heroes Group Home“. Por lá, recebe apoio profissional por sofrer com dificuldades emocionais.

 (Reprodução/Facebook)

Segundo a família, o cabelo da menina foi raspado e funcionários da instituição disseram que seus fios crespos passariam a “crescer lisos”.

O estabelecimento alega que o corte foi feito por motivos de higiene da criança, mas a mãe da garota não acredita: “Não há motivos higiênicos para raspar a cabeça da minha filha. Não há piolhos ou carrapatos”, defende a mulher. “Os cabelos dela estavam em dois rabos de cavalo no sábado, não havia nada errado”.