Mãe trabalhar fora não torna os filhos infelizes, aponta estudo

Levantamento diz que filhos que foram criados dessa forma são tão felizes quanto os que conviveram com mães donas de casa

Uma pesquisa realizada pela Universidade Harvard, em Massachusetts (EUA), aponta que crianças criadas por mães que trabalham fora são tão bem-sucedidas profissionalmente quanto as que são criadas com mães donas de casa.

O levantamento reuniu 100 mil homens e mulheres de 29 países diferentes, onde responderam perguntas sobre como o cotidiano de suas mães afetou sua vida adulta.

Além disso, os resultados também foram obtidos a partir do cruzamento de dois estudos: maternidade e mercado de trabalho, realizados pela própria universidade entre 2002 e 2013.

“As pessoas ainda acreditam que, quando as mães estão empregadas, prejudicam os filhos. Isso não tem relação”, afirma Kathleen McGinn, professora da Harvard Business School, que liderou o estudo.

Mais lidas: Mãe brasileira e filha de 4 anos de férias morrem ao cair de janela

VOTE no Prêmio CLAUDIA e escolha mulheres que se destacaram