Mãe é suspeita de estuprar a filha e pai é preso por omissão

"Em dez anos de polícia não tinha visto algo parecido", disse o delegado responsável pelo caso em Goiás

Desde outubro, um casal de Hidrolândia, em Goiás, está sendo investigado após a filha de 9 anos relatar à professora, durante a aula de educação sexual, que era abusada sexualmente pela mãe.

O pai, um produtor agropecuário de 43 anos, foi preso na segunda-feira (26) por ter sido conivente com os crimes da esposa, informa o G1. A mulher de 33 anos, que está grávida, ainda não foi localizada.

“Em dez anos de polícia não tinha visto algo parecido, menina sendo abusada pela mãe com a omissão do pai. Ele tem a obrigação de impedir e não o fez. Por isso, também foi indiciado por estupro de vulnerável”, disse o delegado Diogo Rincón, responsável pelo caso, ao portal

Leia também: Operação da Polícia Civil prende suspeitos de pedofilia em SP

De acordo com o delegado, a suspeita é que esses abusos vinham acontecendo há dois anos. Desde que o pai foi preso, a menina está vivendo na casa da avó paterna.

“Eu a ouvi, ela afirmou categoricamente que era abusada”, afirma Diogo. “O laudo psicológico constatou que a menina apresenta traumas psicológicos. A criança está completamente perturbada”, relatou.

Leia mais: Receitas leves e rápidas para o jantar