Clique e Assine a partir de R$ 8,90/mês

“Kate me fez chorar”, as revelações de Meghan Markle em entrevista à Oprah

Confira os grandes destaques da tão aguardada entrevista de Meghan e Harry à apresentadora Oprah Winfrey

Por Da Redação Atualizado em 7 mar 2021, 23h44 - Publicado em 7 mar 2021, 22h51

Foi ao ar na noite deste domingo (7), a entrevista inédita do casal Meghan Markle e Príncipe Harry à apresentadora Oprah Winfrey. Extremamente aguardada, essa foi a primeira entrevista do casal na televisão desde que se afastaram de seus papéis como membros da família real britânica.

Durante um dos momentos mais polêmicos da noite, Meghan Markle revelou que Kate Middleton a fez chorar antes de se casar com Harry – mas insiste que ela perdoou Kate, que comprou flores para se desculpar com ela.

Meghan, que disse ter sido “silenciada” pelos funcionários do Palácio de Buckingham e se sentir sozinha em Londres, foi questionada sobre uma briga com Kate que ganhou as manchetes em todo o mundo depois de uma discussão sobre vestidos para as damas de honra.

Meghan então negou ter feito Kate chorar antes de seu casamento em 2018, e disse que o oposto aconteceu. Oprah perguntou a ela se houve uma situação em que ela (Kate) poderia ter chorado., ao que a Duquesa de Sussex respondeu: “Não, não. O inverso aconteceu. E não digo isso para depreciar ninguém, porque foi uma semana de casamento muito difícil. E ela estava chateada com alguma coisa, mas ela possuía, e ela se desculpou”.

“E ela me trouxe flores e um bilhete, se desculpando. Ela fez o que eu faria se soubesse que magoei alguém, certo, apenas para assumir a responsabilidade por isso”, continuou Meghan. A esposa de Harry acrescentou ainda que era “chocante” que o “reverso disso estivesse por aí no mundo”.

Ela continuou: “Alguns dias antes do casamento, ela estava chateada com algo pertinente – sim, essa questão estava correta – sobre vestidos de damas de honra, e isso me fez chorar, e realmente feriu meus sentimentos. E eu pensei, no contexto de tudo o mais que estava acontecendo naqueles dias antes do casamento, que não fazia sentido não estar apenas fazendo o que quer que fosse – o que todo mundo estava fazendo, que era tentar apoiar, sabendo o que estava acontecendo com meu pai”.

Na ocasião, Harry e Meghan ainda falaram sobre maternidade, a vida sob constante pressão da opinião pública, em um primeiro momento, apenas com a presença de Meghan e Oprah. Assuntos polêmicos também foram abordados, o duque de Sussex falou novamente sobre o medo de ver a história de Lady Di se repetindo na sua vida por meio de Meghan.

“Estava tendo pensamentos suicidas”, diz Meghan

Entre diversas falas polêmicas de Meghan, a atriz afirmou, em um momento delicado e de tensão, que “apenas não queria mais estar viva”.

Meghan chegou a afirmar para Oprah que pensava em suicídio durante seu tempo atuando na realeza. “Eu simplesmente não vi uma solução”, disse Meghan em uma admissão comovente.

“Olha, eu estava realmente com vergonha de ter que dizer isso na época e com vergonha de ter que admitir especialmente para Harry, mas eu sabia que se não contasse eu o faria”, acrescentou a duquesa. “Eu apenas não queria mais estar viva.”

Oprah, Meghan, Harry - entrevista
A entrevista de Oprah com Harry e Meghan vai ao ar neste domingo (7) Foto: CBS/Reprodução

Família real questionou Meghan, ainda grávida, sobre a cor da pele do filho

Em um momento tenso durante a entrevista individual de Meghan Markle, a atriz disse que estava ciente das “preocupações” dentro da família real sobre a cor da pele de seu filho com o Príncipe Harry, Archie Mountbatten-Windsor. A revelação veio depois que Meghan disse a Oprah que, quando grávida, ela foi avisada de que Archie não receberia um título – e que Meghan estava com medo, não por causa da pompa em torno do título, mas porque seu filho não teria a mesma segurança convenções como ele teria feito de outra forma.

Continua após a publicidade

“O primeiro membro de cor nesta família não tendo o mesmo título que os outros netos…”, afirmou Meghan. Em seguida, afirmou: “Estávamos com muito medo de ter que oferecer nosso bebê, sabendo que eles não seriam mantidos em segurança.”

“Naqueles meses em que eu estava grávida, quase na mesma época, tivemos em paralelo uma conversa sobre ele não obter segurança, ele não receberá um título… E também preocupações e conversas sobre como a pele dele poderia ser escura quando ele nascesse “, ela continuou.

Oprah então pergunta sobre quem teria questionado sobre a cor do bebê, ao que Meghan responde: “Eu acho que seria muito prejudicial para eles. Isso foi retransmitido para mim por Harry. Essas foram as conversas que a família teve com ele”.

Grávida, Meghan Markle revela sexo de bebê

Meghan e Harry, que já são pais de Archie Mountbatten-Windsor, que completa dois anos em maio, devem ter seu próximo bebê, uma menina, no verão norte-americano, ou seja, a partir do final de junho.

Meghan segura o filho Archie no colo
Meghan segura o filho Archie no colo Reprodução/Instagram

Quando Oprah perguntou a Harry como ele se sentiu quando soube que seu segundo filho seria uma menina, ele respondeu: “Incrível. Apenas grato, ter qualquer filho, qualquer um ou dois teria sido incrível, mas ter um menino e então uma garota, o que mais você pode pedir?” Ele acrescentou, “agora temos nossa família. Temos nós quatro e nossos dois cães e isso é ótimo”.

harry meghan entrevista Oprah
Harry celebra a chegada de uma menina à família CBS/Reprodução

Sinais subliminares

O fato de membros da realeza concederem uma entrevista, principalmente após a saída da funções reais, não está sendo visto com bons olhos. Porém, esta não é a primeira vez que isso acontece, uma vez que a princesa Diana transgrediu essa tradição de se manter longe de perguntas pessoais e concedeu uma entrevista à BBC.

Para a ocasião, Meghan optou por um vestido preto, da grife Armani, com uma estampa de flor de lótus perto do decote. A flor tem um significado de resiliência, o que poderia ser um recado do casal sobre esse novo momento longe da realeza.

Inclusive, a princesa Diana teve seu legado celebrado na entrevista. Meghan usou uma pulseira cravejada de diamantes da falecida sogra. Para a People, uma fonte apontou que o casal queria que Meghan usasse a pulseira durante a entrevista para que Diana pudesse estar com eles.

princesa diana
Princesa Diana com a pulseira usada por Meghan durante a entrevista. Foto: Tim Graham/Getty Images

Valor milionário

Segundo o Wall Street Journal, a apresentadora Oprah Winfrey teria recebido um total de 7 milhões de dólares, o equivalente a quase 40 milhões de reais, para entrevistar o casal. Isso porque o canal de TV CBS, responsável por transmitir a entrevista, pagou uma licença no valor de 7 a 9 milhões de dólares pelos direitos de levar o especial ao ar. O dinheiro foi pago para a Harpo Productions, produtora responsável pela entrevista e que tem como dona justamente Oprah.

O jornal explica ainda que o canal ficará com os lucros dos intervalos comerciais do programa. A CBS estaria pedindo US$ 325 mil (mais de R$ 1,8 milhão) por cada 30 segundos de publicidade durante os intervalos, de acordo com a publicação. Como parte do acordo entre a CBS e a produtora de Winfrey, a rede também tem direitos para licenciar o especial nos mercados internacionais.

  • Resiliência: como se fortalecer para enfrentar os seus problemas

     

    Continua após a publicidade
    Publicidade