Clique e assine Claudia a partir de R$ 8,90/mês

Jovem de 18 anos é assassinado em operação policial em comunidade do RJ

João Victor tinha saído de casa para comprar pipa, segundo testemunhas, quando foi baleado na região do Pantanal, na Cidade de Deus

Por Da Redação - Atualizado em 20 Maio 2020, 21h09 - Publicado em 20 Maio 2020, 20h34

João Victor, de 18 anos, foi baleado na noite desta quarta-feira (20), na comunidade Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, enquanto ia comprar pipa, segundo testemunhas. A operação policia aconteceu durante distribuição de cestas básicas na região conhecida como Pantanal.

Segundo a corporação, o jovem chegou a ser socorrido no Hospital Municipal Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com o G1, a Polícia Militar estava no local por causa de denúncias sobre tráfico de drogas. Porém, segundo eles, na entrada da comunidade, foram alvo de tiros, que deu início ao confronto.

Em vídeo de integrantes da Frente Cidade de Deus, que organiza e distribui doações para os moradores, é possível ver uma parte da operação após João Victor ser baleado. Segundo Jota Marques, morador da comunidade e Conselheiro Tutelar, informou no Twitter, os policiais chegaram a apontar as armas para os voluntários. Já Victor Andrade, que também participava ação do projeto, disse nas redes sociais que voluntários precisaram se proteger do tiroteio na casa de moradores. “Estamos [na casa dos moradores] com a roupa infectada, porque a bala tá comendo lá fora, enquanto as crianças estão com medo. Nós tentamos fazer o que o Estado não faz, que é levar comida e aquilo que falta, mas só temos bala dentro da favela”, desabafou.

O caso acontece em menos de 48 horas após outra operação policial que tirou a vida do estudante João Pedro Mattos, de 14 anos, que brincava dentro da casa do primo, no Complexo do Salgueiro, outra comunidade carioca. A operação era das polícias Federal e Civil e tinha o apoio da Polícia Militar.

Todas as mulheres podem (e devem) assumir postura antirracista

Publicidade