Clique e assine com até 75% de desconto

Ideias de passeios deliciosos para curtir o inverno

Aproveite os dias de céu azul e friozinho para conhecer lugares gostosos

Por Redação CLAUDIA Atualizado em 22 out 2016, 17h19 - Publicado em 3 jul 2016, 07h00

Preparamos um roteiro especial para curtir a serra na melhor época do ano. Prepare o carro, faça as malas e venha com a gente:

Festival de Inverno de Campos de Jordão

Julho é o mês do Festival de Inverno de Campos do Jordão, que acontece de 2 a 31 desse mês. Fizemos um roteiro para que você aproveite as atrações de Campos e de suas vizinhas São Bento do Sapucaí e Santo Antonio do Pinhal entre um concerto e outro. Sem pressa, longe de cervejarias lotadas, dos tradicionais restaurantes de fondue ou das filas para o teleférico. Além de viajar com a música clássica de qualidade, curta as estradinhas sinuosas, saboreie comida local de verdade e se deleite com a vista de montanhas cobertas de araucárias.

Namoro chique

O Botanique é puro luxo, mas sem ostentação. Indicado como o melhor hotel do Brasil pela renomada revista americana Travel + Leisure, tem 17 suítes e vilas privativas em uma área de mata com mais de um milhão de metros quadrados. Ao chegar, um carrinho de golfe leva os hóspedes até a sede, decorada com o melhor do mobiliário nacional. Na biblioteca, raridades da nossa literatura e, nas paredes, obras de artistas brasileiros. O café da manhã é servido apenas nos quartos, até meio-dia. As diárias para casal começam em 1490 reais. Sugestão: marque um horário no spa, onde é possível flutuar em uma piscina isotônica, ou reserve uma mesa no restaurante do hotel, o Mina, com bela vista panorâmica e decoração contemporânea. 

Onde? R. Elídio Gonçalves da Silva, 4000. Tel. 12 3662 5800, Circuito dos Mellos, Campos do Jordão. Site oficial.

Taças brasileiras

Prepare-se para abastecer a adega com bons vinhos nacionais e levar pra casa geleias produzidas ali mesmo, café e outros produtos sem agrotóxico cultivados localmente. No Empório dos Mellos, que engloba lojinha e restaurante, esses ingredientes são usados no preparo dos pratos caipiras, servidos no almoço, e nas deliciosas pizzas que chegam à noite. Peça a de abobrinha com ricota e manjericão (45 reais) colhido ali na hortinha, bem atrás das mesas. E depois saboreie uma taça de tinto Gran Fabian deitada na rede do pequeno jardim, sob um céu muito estrelado. 

Onde? R. Elídio Gonçalves da Silva, 1.800 , Circuito dos Mellos, Campos do Jordão. Tel. 12 99751-2601. Site oficial. 

Sorvete premiado

Vale a pena pegar o carro até Santo Antonio do Pinhal, famosa pelos esportes radicais e cachoeiras, para conhecer a premiada sorveteria Eisland. Mesmo no frio! O ingrediente principal do seu gelato é o leite das vacas jersey, criadas na fazenda dos mesmos donos, onde está uma de suas duas unidades. Por conta do maior teor de gordura, o leite de jersey resulta em um sorvete mais cremoso, que vem em sabores como doce de leite com macadâmia, mascarpone com goiabada ou mirtilo. Para acompanhar, brownie, strudel e café. Sorvetes a partir de 8 reais. Em julho, abre de terça a domingo. Site oficial.

Continua após a publicidade

Onde? Loja da fazenda: Estrada Municipal Pedro Joaquim Lopes, 2400, Bairro do Lageado, tel. 12 3662 1273. Loja do centro: Av. Ministro Nelson Hungria, 615 , Santo Antonio do Pinhal.

Slow food de verdade

Em São Bento do Sapucaí, vale a pena pegar uma estradinha de terra cercada de belas paisagens para conhecer o restaurante EntreVilas. Fica dentro de um sítio onde são cultivados boa parte dos ingredientes de sua cozinha e leva o conceito de slow food ao pé da letra. Vá com tempo – você não vai gastar menos que três horas para saborear os seis pratos que fazem parte do menu confiance, e aproveite para conhecer de perto a produção de azeite, castanhas, vinho, cogumelos e frutas vermelhas do lugar. O que não é feito ali vem dos vizinhos que fornecem embutidos, queijos e as boas cervejas locais. Reserve antecipadamente e leve dinheiro ou cheque. Site oficial. 

Onde? Estrada Major Pereira, km 5,5, São Bento do Sapucaí, tel. 12 99745 9897.

Mobiliário único

Ele faz móveis de madeira, mas poderiam ser joias, tamanha a precisão e o detalhe de cada peça, todas feitas por encaixe, sem um único parafuso ou prego. O marceneiro, ou melhor, o artesão Morito Ebine trabalha em silêncio em seu ateliê, onde se chega por uma estradinha de terra, criando mesas, estantes e cadeiras que levam, no mínimo, dois meses para ficarem prontas. De sua terra natal, o Japão, ele trouxe a técnica milenar que hoje usa para produzir as peças, todas em madeira brasileira certificada, e feitas para durar pelo menos cem anos. 

Onde? Estrada do Lajeado, km 1, bairro Santa Cruz, Santo Antônio do Pinhal, tel. 12 99774.1050. Site oficial.  

* Texto escrito por Fabiana Corrêa

Continua após a publicidade
Publicidade