Relatório inédito da Fifa mostra o quanto é o gasto com futebol feminino

Pela primeira vez, a entidade monitorou as transações de jogadoras entre clubes

Na mesma semana em que a jogadora Marta voltou a ser escolhida a melhor do planeta, a Fifa liberou um relatório que mostra a diferença financeira e estrutural entre homens e mulheres no futebol. Desde janeiro, a entidade vem monitorando as transações no futebol feminino por meio do Sistema Internacional de Transferências. A plataforma digital agrupa informações de clubes sobre negociações entre países e até mesmo valores, informa o colunista Marcel Rizzo, do UOL.

O documento, produzido pela primeira vez pela Fifa, mostrou que entre 1º de janeiro e 1º de setembro deste ano, 577 transações de jogadoras foram realizadas, gerando 493 mil dólares (o equivalente a 2 milhões de reais). No mesmo período, foram 15.049 transações no futebol masculindo que geraram 7.1 bilhões de dólares (cerca de 29 bilhões de reais), compara a coluna.

Segundo o relatório, essa enorme diferença era esperada uma vez que existem mais times e campeonatos no futebol masculino, o que faz circular mais dinheiro. Além disso, vários jogadores masculinos se tornam celebridades e atraem patrocinadores grandes para os clubes em que jogam.