Em BH, urina de foliões vira adubo para Jardim Botânico

A ideia é reutilizar o fósforo presente na urina

A urina dos foliões de Belo Horizonte será transformada em adubo para ser utilizado no Jardim Botânico da capital mineira. A ideia é captar a urina de banheiros químicos distribuídos pela cidade e usá-la como fertilizante.

O projeto desenvolvido pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em  parceria com a Belotur, empresa de turismo da capital, visa reutilizar o fósforo presente na urina. O elemento químico é essencial para o crescimento de plantas.

Ao todo, seis banheiros captaram a urina dos foliões. Dois deles foram distribuídos próximos ao palco da Av. Brasil e os outros quatro passaram pela Praça da Liberdade, Santa Tereza, Santa Efigênia.

Leia mais: Bloco de Carnaval de São Paulo é palco de pedido de casamento